Francisco Cesar Pinheiro Rodrigues

Francisco Cesar Pinheiro Rodrigues

Migalheiro desde maio/2006.
Membro do IASP - Instituto dos Advogados de São Paulo
Migalhas de Peso
27/4/2011

Leitura, problemas e um assunto indigesto que se intrometeu

Para pessoas de regular instrução, quando curiosas, a vantagem máxima da aposentadoria - quando razoável, dispensando a necessidade de novamente trabalhar, estaria no maior tempo disponível à leitura instrutiva e reflexiva. Além do prazer em si de conhecer o que se ignorava, dessas leituras podem surgir novos enfoques, resultantes da conexão da experiência de vida com as velozes novidades do mundo atual.
Migalhas de Peso
1/2/2010

O juiz deve ser um apático espectador, ou buscar a verdade real?

O prestigiado jornal “O Estado de S. Paulo”, no editorial de 18-1-10, “Lições de Direito”, externa apoio irrestrito — certamente “desapoiado”, com razão, pela maioria dos magistrados brasileiros — a um despacho do atual Presidente do Superior Tribunal de Justiça que, examinando o comportamento do juiz federal Fausto De Sanctis — no processo criminal que se seguiu à “Operação Castelo de Areia” — censurou o referido juiz paulista pelo fato de tomar iniciativas probatórias em processos sob sua jurisdição.
Migalhas de Peso
27/11/2009

Caso Battisti: entendendo melhor a decisão

Como a vasta maioria daqueles brasileiros favoráveis à extradição do ex-ativista italiano — porque, afinal, ele foi regularmente julgado e condenado por quatro homicídios no seu país, entrando no Brasil usando passaporte falsificado — tive também a impressão inicial de que não teria sentido prático nem jurídico o STF deixar “nas mãos” do Presidente da República — algo assim como “decida conforme seu capricho” — a decisão de entregar, ou não, ao governo italiano, o foragido.
Migalhas de Peso
20/2/2009

Um detalhe importantíssimo não mencionado

O jornal “O Estado de S. Paulo” de 15-2-09, pág. A14, apresenta uma reportagem mencionando a insatisfação de boa parte da magistratura brasileira contra supostos — ou verdadeiros ? — excessos por parte do CNJ – Conselho Nacional de Justiça. Notadamente quanto à exigência de ser informado sobre grampos telefônicos e prisões provisórias ordenadas pelos juízes de primeira instância. Estes alegam que autorizar, ou não, a escuta de telefone, ou decretar prisões provisórias é matéria jurisdicional e que não tem sentido um órgão administrativo, o CNJ, criar um encargo burocrático a mais para os já sobrecarregados julgadores da primeira instância.
Migalhas de Peso
27/1/2009

A origem do conflito “Legislativo x STF”

Jornais e internet têm abordado, com perplexidade — ou explícita animosidade —, a proposta do Deputado Federal Flávio Dino cancelando a vitaliciedade dos Ministros do Supremo Tribunal Federal. Como todos sabem, pela legislação atual um ministro do STF só deixará o cargo por conveniência própria, condenação judicial em algum crime, impeachment, afastamento por doença e por limite de idade. De modo geral, os dignos ministros — a dignidade é realmente a regra — deixam o cargo por força da aposentadoria compulsória, aos 70 anos.
Migalhas de Peso
6/1/2009

Investigação autônoma do Ministério Público em fraudes

Recente decisão, por maioria de votos, do Tribunal de Justiça de S. Paulo anulou a denúncia — já aceita — contra um grupo de 11 pessoas acusadas de fraudar licitações — entre elas o diretor de obras de uma prefeitura do ABC paulista. A denúncia (para quem não é do ramo: peça inicial da acusação na fase judicial) seria nula porque foi o próprio promotor quem coligiu a prova. Segundo o acórdão, já existindo em andamento um inquérito policial, presidido por um delegado, não seria possível a um promotor do Gaeco — Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado — tomar iniciativas probatórias autonomamente e, reunido o material comprometedor, apresentar a denúncia frente ao juiz.
Migalhas de Peso
12/11/2008

“Feliz aniversário e muitos anos de vida!”

Dia 4-10-08, o Portal MundoRI.com — direcionado essencialmente às Relações Internacionais — comemorou, no espaço físico “Aduaneiras”, seu sétimo aniversário de nascimento. Não obstante sua pouca idade o “menino” tem mostrado um vigor físico e mental inusitado, considerando-se a relativa frieza com que os temas de âmbito internacional são encarados pela nossa intelectualidade e, conseqüentemente, pela juventude.
Migalhas de Peso
1/10/2008

"Grampos" nas altas esferas. Quem se atreve?

Antes que o problema caia no esquecimento — sem ser resolvido —, perpetuando a dubiedade, é preciso que a comunidade jurídica e o legislador federal brasileiro enfrentem a melindrosa questão de saber qual o juiz autorizado a deferir a escuta telefônica das autoridades máximas dos três poderes. "Afastai de mim esse cálice..." devem pensar muitos magistrados, conforme o poder e o temperamento mais ou menos vingativo da autoridade a ser investigada. Em um nível mais prosaico, a pergunta seria: a quem caberá a arriscada tarefa de amarrar o sino no pescoço do gato, onça ou tigre?
Migalhas de Peso
15/9/2008

A encruzilhada da advocacia

Lendo e ouvindo, pela internet, a explicação clara e irretorquível do atual presidente da seccional paulista da Ordem dos Advogados do Brasil — Luiz Flávio Borges D’Urso —, sobre alguns casos de desonestidade na remuneração de advogados que prestam serviço de assistência judiciária, sinto-me mais do que motivado para, como mero cidadão — e por um sentimento natural de justiça —, dizer algumas palavras em favor dessa difícil profissão, a advocacia.
Migalhas de Peso
6/8/2008

A inviolabilidade dos escritórios de advocacia

Contrário, embora, à chamada “criminalização da violação das prerrogativas profissionais” do advogado, em razão dos termos — vagos e ambiciosos demais — em que foi proposta no Congresso Nacional, não constato desejo de privilégios no projeto de lei que, especificamente, cuida da inviolabilidade dos escritórios de advogados, modificando o art.7º da Lei 8.906/94, o Estatuto da Advocacia.
Migalhas de Peso
17/7/2008

Fibra indomável

Vez por outra talvez seja tolerável, em sites sisudos e especializados em Direito e Relações Internacionais — especialmente nas férias —, escapar um pouco à especificidade de seus temas. Principalmente quando o autor do texto retrata como alguns seres humanos, perfeitamente medianos, suplantaram, na vida real, com invulgar sangue-frio, o medo, a dor e o aleijão.
Migalhas de Peso
16/6/2008

A CSS e o bom contribuinte

Soa algo como próximo à loucura mansa alguém, após a extinção da CPMF, externar apoio à criação — agora por lei — da Contribuição Social para a Saúde. Na Câmara dos Deputados a votação foi apertada, apenas dois votos acima dos necessários à aprovação. A batalha transfere-se, agora, para o Senado.
Migalhas de Peso
30/5/2008

Invalidar todas as escutas telefônicas?

Li, ontem, na internet — site “Trem Azul” — que uma deputada federal, Marina Maggessi, relatora da Comissão de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado, defende a idéia de que todas as operações, até agora realizadas pela Polícia Federal, com base em escutas telefônicas “editadas” — isto é, contendo apenas os trechos escolhidos pela PF —, sejam invalidadas.
Migalhas de Peso
9/5/2008

Reservas indígenas: quem tem razão?

Sempre me impressionou a leveza — embora elegante, de borboleta colorida —, a despreocupação em atingir o âmago das questões, quando se discutem problemas sérios e complexos no Brasil. Não se trata, frise-se, de carência de inteligência ou de conhecimento — muito menos de caráter — daqueles que sustentam posições opostas, porque não nos faltam boas cabeças, mentalmente honestas e suficientemente municiadas de argumentos poderosos. A falha está mais da tradição de “borboletear” em busca do brilho fácil — aproveitando aqui a imagem do belo e inofensivo inseto.
Migalhas de Peso
20/2/2008

Utilização da Justiça com fins escusos

O Poder Judiciário foi criado, obviamente, com a finalidade de reparar injustiças. No entanto, não é raro que, cada vez mais, seja — ou tente ser — utilizado, por demandistas espertos — nem tanto, nem tanto... — e mal intencionados visando infringir prejuízos, lesar credores, garantir impunidade, esconder a verdade, oprimir os mais fracos ou confundir a opinião pública. Mais uma prova de que nenhuma instituição, por mais seriamente concebida que tenha sido — e esforce-se na seleção de seus integrantes —, está livre de tentativas, mais ou menos engenhosas — tecnicamente “legais” —, de pessoas, físicas ou jurídicas, pedindo uma coisa visando outra.
Migalhas de Peso
14/2/2008

Advocacia, Ciência, Tecnologia e Exame de Ordem

Bacharéis — os inscritos e os não-inscritos na OAB — encaram-se, hoje, no Brasil, com desconfiança. O mercado já está saturado de profissionais. Há um excesso de Faculdades de Direito, despejando semestralmente milhares de novos candidatos à advocacia; a maior parte, dizem os veteranos — não sei, porque não tenho contato com os recém-formados — sem condições culturais, pelo menos razoáveis, de trabalhar, sem desastres, em defesa de seus clientes. Outra conseqüência da “invasão” seria o desprestígio da advocacia.
Migalhas de Peso
8/2/2008

O idealismo de Oscar Niemeyer

A combativa revista mensal “Caros Amigos”, que só li agora mas data de julho de 2006, publicou extensa e inteligente entrevista do famoso arquiteto Oscar Niemeyer, considerado, quase à unanimidade, um gênio da profissão. Como todos sabem, Niemeyer é um comunista que jamais tentou esconder suas convicções. Defende-as com vigor e destemor — é um dos poucos com coragem de defender Stálin —, não sendo possível duvidar de sua sinceridade.
Migalhas de Peso
16/1/2008

O IOF e a inflação

Quem escreve, com certa regularidade, para jornais, revistas ou internet, sempre fica na dúvida sobre o eterno dilema: devo redigir o artigo com um máximo de clareza e simplificação — com isso conseguindo a aprovação de alguns, mas o desprezo de outros — ou, pelo contrário, devo dificultar a compreensão, torturando a ordem usual das palavras, de modo a deixar claro que o autor não é "um qualquer", nem está "ao alcance de todas as inteligências" — como dizia, na capa, cretinamente, um antigo livrinho ensinando inglês para iniciantes. Lendo a destinação do livro muitos deixavam de comprá-lo. A aquisição seria uma admissão de burrice.
Migalhas de Peso
19/12/2007

Defesa da CPMF

Quando todos — menos o governo e futuros candidatos à presidência... — festejam a extinção da CPMF, soa como azedo desmancha-prazeres dizer alguma coisa a seu favor. Visto que, no entanto, tenho grande admiração pela verdade — embora reconhecendo as dificuldades, em mim e nos outros, de sua prática invariável —, sinto-me legitimado a defender essa “novidade” tributária: o “imposto do cheque”. Defesa ingrata, em causa já perdida no Senado, a ser lida, aqui, presumo, sob vaias indignadas. Será possível justificar um tributo tão odiado? Não basta a quase unanimidade desse ódio para presumir de que lado está a verdade?
Migalhas de Peso
22/11/2007

Chávez, Lula e o Rei

O incidente do "¿Por qué no te callas?!", ocorrido na Cúpula Ibero-Americana, em Santiago, já foi comentado demais, embora recentíssimo. Cada comentarista reagiu conforme suas idiossincrasias ideológicas. A "direita" — aspas porque corresponde a um chavão — apoiou, de alma lavada, as palavras do rei espanhol. A "esquerda" — também entre aspas porque representa outro termo imensamente abrangente — opinou que quem abusou no uso das palavras foi o rei, agindo de forma "antidemocrática". Afinal, ela tentou justificar, numa reunião supostamente democrática de chefes de governo todos têm o direito de expressar o que pensam. Houve também quem criticasse a simples presença do rei espanhol, que apenas representa seu país, mas não o governa.
Migalhas de Peso
19/11/2007

Ainda o caso Cunha Lima

Pelo que se constatou na mídia, a comunidade jurídica e a opinião pública em geral apoiaram, maciçamente, os adiantamentos de votos, ou meras opiniões, dos ministros do Supremo Tribunal Federal que consideraram a renúncia do deputado Cunha Lima ineficaz para inutilizar todo o trabalho despendido para seu julgamento naquele Tribunal, após longa tramitação — cinco anos. Isso, sem contar a demora anterior, decorrente da necessidade de autorização do Congresso para se processar qualquer parlamentar.
Migalhas de Peso
5/11/2007

A renúncia de Cunha Lima

Diz a imprensa do dia 1° de novembro que o deputado Ronaldo Cunha Lima renunciou ao mandato para adiar seu julgamento. Com a renúncia perde o foro privilegiado e o julgamento passará à primeira instância. O ministro do STF que funcionava como relator considerou o caso como um “escárnio” com a Justiça em geral e com o STF, em particular.
Migalhas de Peso
19/10/2007

O que pretende Hugo Chávez?

A melhor — quase única — justificativa da democracia está na garantia de o governante ser forçado, rotineiramente, a deixar o poder. Findo o mandato, ou quando age de forma totalmente insana, babando na camisa, olhar alucinado, uivando de quatro para a lua. Em caso de loucura, é preciso, porém, que esta se apresente incontroversa.
Migalhas de Peso
5/10/2007

Equiparação salarial de delegados com promotores

No Brasil tudo se faz "de arranque", desproporcionalmente, levando em conta apenas o fim visado de imediato — em geral votos, quando o “repelão” provém de uma cabeça legislativa. Nada de refletir maduramente no assunto. Somente assim pode ser encarada a proposta de emenda constitucional que está na Câmara dos Deputados, propondo equiparação remuneratória entre delegados de polícia e promotores de justiça nos Estados.
Migalhas de Peso
19/9/2007

Chile x Peru sobre fronteira marítima

Pedindo perdão ao leitor pela monótona insistência na necessidade de um governo mundial, a começar na área jurisdicional — para isso temos a Corte Internacional de Justiça, embora inda anêmica por depender do CS da ONU para executar suas decisões — o que só faz quando conveniente —, cabem aqui algumas breves considerações sobre a atual divergência entre Peru e Chile quanto ao novo mapa marítimo adotado pelo Peru.
Migalhas de Peso
24/1/2007

A prisão preventiva de pessoas influentes

Vasta maioria da população — e não só os ignorantes — vê com olhos suspeitosos a dança do “prende e solta” de réus ilustres. Notadamente aqueles com polpudos — os malévolos, sempre desconfiados, diriam “convincentes” — recursos financeiros. Conclui, desconhecedora dos meandros jurídicos, que “cadeia foi mesmo feita só para pobres”, ou para “os três ‘p’: preto, pobre e pu...”.
Migalhas de Peso
7/12/2006

Crimes e soberania

Já não me acanho — tenho precursores ilustríssimos, Kant inclusive — em insistir que as nações precisam, cada vez mais, renunciar largas porções de sua soberania, em favor de uma federação democrática mundial, para que o mundo seja menos caótico, injusto e auto-destrutivo (vide poluição).
Migalhas de Peso
27/11/2006

Sobre a lista de “Inimigos da Advocacia”

Trata-se de um tema polêmico, com posições geralmente extremadas, tomando a parte pelo todo. Tentemos compreender o problema de um modo mais abrangente. Não sei se o autor da idéia da “lista negra” inspirou-se apenas nele mesmo — e em constantes reclamações de colegas — ou se foi estimulado pelo exemplo forte do que ocorreu nos EUA, mas em situação bem diferente.
Migalhas de Peso
30/10/2006

Reavendo verbas desviadas para exterior

Jamil Chade, jornalista que cursou Relações Internacionais — uma inteligente providência na era da globalização — em artigo publicado em 28-8-06, no jornal “O Estado de S. Paulo”, transmite-nos o que ouviu de pessoas que, em Genebra, Suíça, lidam com questões relacionadas com a recuperação de dinheiro público depositado em contas no Exterior.
Migalhas de Peso
27/10/2006

A relação pessoal entre juízes e jurisdicionados.

Não me agrada criticar a Justiça brasileira. Isso porque as merecidas críticas ao nosso sistema judicial acabam contaminando — queira-se ou não —, a pessoa dos juízes, que não têm culpa pelas óbvias falhas do sistema. Ser juiz, hoje, é tarefa ingrata em termos de aprovação em abstrato. Algo assim acontece com deputados e senadores, muitos deles idealistas mas “empoeirados” ou até mesmo “enlameados” pela nuvem pesada do descrédito causado por alguns colegas.
Migalhas de Peso
11/10/2006

Advogados e juízes escritores

Alguns anos atrás impressionava-me o fato de quase não existir, no Brasil, escritores de ficção entre magistrados e advogados. Promotores havia alguns em São Paulo, entre eles Rubens Teixeira Scavone e Maffra Carboniere, ambos com alguma notoriedade regional. Este último eu me lembro que foi premiado em um concurso de contos no Paraná. E Scavone informava-se bem antes de escrever seus livros, utilizando dados colhidos na área científica, quando assim exigia a obra. Escrevessem ambos em línguas do primeiro mundo certamente teriam sido mais reconhecidos. O português — “túmulo do pensamento”, queixavam-se autores brasileiro — ainda é um idioma ingrato, em termos de difusão internacional.
Migalhas de Peso
5/10/2006

Interrogatórios e depoimentos pessoais

Nunca me conformei com a subutilização, pelos magistrados, dos contatos diretos, em audiência, entre o juiz e o réu — nas ações penais —, e as partes — quando necessário — nas ações cíveis. Interrogatório e depoimento pessoal são encarados, usualmente, mais como meras formalidades do que como fonte valiosa para o conhecimento da verdade dos fatos que originaram o processo. O juiz parece pensar que é inútil perguntar ao réu — na maioria dos casos é do réu que se trata — o que ele fez, ou o que realmente aconteceu, porque ele jamais dirá qualquer verdade que o prejudique. Assim, por que perder tempo?
Migalhas de Peso
11/7/2006

A virtude da desconfiança

A desconfiança pode não ser uma qualidade “elegante”, mas ainda é artigo de primeira necessidade, em um mundo dominado pela ganância desonesta — a honesta, tudo bem... — e sua inevitável protetora: a mentira, com palavras ou atos. E, a confirmar a onipresença da mentira acrescente-se que a própria desconfiança, embora salutar, tem que ser “mentirosa”, isto é, disfarçada — “mera rotina” —, pois do contrário ofenderia suscetibilidades. Mesmo os ladrões, quando ainda não desmascarados, são muito suscetíveis. A mídia que o diga, com processos em cima.
Migalhas de Peso
22/6/2006

A daninha "garra" política

Uma qualidade muito valorizada é a “garra”, o espírito de luta, a combatividade. Para mim, entretanto, essa palavra sempre esteve associada a “cafajestada”, auto-elogio, vulgaridade, ausência de auto-crítica, cabotinismo e exibição de valentia (sempre em relação a pessoas mais fracas, no físico ou no temperamento).
Migalhas de Peso
13/6/2006

Adilson Dallari, o corajoso “pára-raio”.

Alguns dias atrás o “Migalhas” publicou um artigo meu propondo a discussão, no Brasil, da pena de morte. Pelo menos a discussão. Notadamente em relação aos chefes do tráfico de entorpecentes que, já presos e condenados a décadas de prisão continuam — sem temor de novos processos, sem mais nada a perder —, decretando a pena capital (inapelável e sem direito de defesa), contra qualquer um que os contrariem. Nessa discussão poder-se-ia talvez encontrar, ou “construir”, uma hermenêutica constitucional capaz de — sem cômicas e artificiais “revoluções” em busca do “poder constituinte originário” — corrigir o excesso de “cláusulas pétreas”, entre elas a proibição da pena de morte e prisão perpétua. Se o S.T.F., em decisão formal, aprovar essa “construção” — dizendo, por exemplo, que certos dispositivos, não obstante formalmente incluídos na Constituição são “na essência” inconstitucionais — não haverá necessidade da “revolução” de mentirinha.
Migalhas de Peso
9/6/2006

Stephen Hawking e a dificuldade do povo para discernir

Não nos referimos, aqui, nem à Física nem à Cosmologia, áreas em que o admirado e determinado cientista navega sua inteligência privilegiada. Admirado, porque trabalha com limitações corpóreas inimagináveis. Portador de “esclerose amiotrófica lateral”, seus músculos não obedecem à sua vontade. Vive, contorcido, numa cadeira de rodas. Há alguns anos nem consegue falar. Para poder respirar submeteu-se a uma traqueotomia.
Migalhas de Peso
24/5/2006

Pena de morte, um tema para ser discutido agora

Quando digo, há vários anos, que sou a favor da pena de morte — com injeção, deixo claro — só não sou agredido, ou cuspido, porque meu interlocutor é quase sempre bem educado. Também escolho audiência. Mas de censuras não me poupam: “Como!? Você tem coragem de dizer um absurdo desses? Está “provado”, estatisticamente, que a pena de morte não intimida! E nem mesmo sai barato para o Estado, porque o condenado, nos Estados Unidos — sempre a comparação com esse país... —, fica anos e anos no corredor da morte, gerando uma despesa enorme, muito superior aos gastos inerentes à pena de reclusão.
Migalhas de Peso
16/5/2006

O futuro de Hugo Chavez

Toda futurologia é precária, porque depende de mil variáveis. Um economista, ganhador do Prêmio Nobel, chegou a afirmar — já disse isso antes, em outro artigo — que a própria expressão “ciências humanas” é uma contradição de termos, tão imprevisível lhe parecia o comportamento do homem. E ciência é previsibilidade.
Migalhas de Peso
8/5/2006

Uma sugestão aos futuros dirigentes da OAB

É perceptível a frustração profissional que sente um alto percentual dos advogados brasileiros, principalmente os mais jovens. Mesmo competentes, aprovados nos duros Exames de Ordem, ansiosos para exercer a profissão, sentem à frente um como que muro invisível. Invisível mas mesmo assim incontornável pois a atual ética profissional inibe qualquer tipo de auto-propaganda. Muro que só poderá ser transposto mediante fortuitas relações de parentesco, casamento, ou rara e feliz coincidência de ser notado e convidado para trabalhar em próspero escritório de advogados.
Informativo Migalhas
12/6/2013

MIGALHAS nº 3.138

...(Clique aqui) Sucumbência recursal O desembargador aposentado Francisco Cesar Pinheiro Rodrigues tece considerações sobre a sucumbência recursal no novo CPC. (Clique aqui) E-commerce A expansão do comércio eletrônico, o cuidado que deve ser tomado na hora de regulamentar a prática e o direito ao arrependimento do consumidor são questões abordadas pelas advogadas Juliana Flávia Schwietzer Maia e Larissa Ancora da Luz Damasceno, do escritório Almeida Advogados. (Clique aqui) _____________ Migalhas mundo Transparência Google, Facebook e Microsoft pediram mais...
Informativo Migalhas
20/8/2012

MIGALHAS nº 2.941

...aqui) Fragilidades do Direito Para o desembargador aposentado Francisco Cesar Pinheiro Rodrigues, do TJ/SP, seria salutar se o STF já se preparasse para lidar com problemas que podem surgir após o julgamento do mensalão. "'Brechas' e 'buracos', de qualquer tipo, devem ser tapados antes que pessoas caiam dentro dele". (Clique aqui) Coisas antigas O cronista migalheiro Edson Vidigal fala de costumes antigos que se renovam conforme o tempo e o espaço. "Nada é tão novo assim. Nem o mensalão, nem a cremação." (Clique aqui) _____________ Migalhas Mundo Vandalismo Na Rússia, a...
Informativo Migalhas
15/8/2012

MIGALHAS nº 2.938

...Peluso. (Clique aqui) Um apelo O desembargador aposentado Francisco Cesar Pinheiro Rodrigues elogia a defesa feita pelo advogado Marcelo Leonardo e faz um apelo : seria de extrema utilidade que Gurgel respondesse aos tópicos técnico-financeiros e leis específicas salientados por Leonardo. (Clique aqui) Quiproquó "No julgamento do mensalão, é de doer a ignorância e o absurdo do que se ouve dizer sobre a opinião pública. Os advogados confundem opinião pública com rumor social", critica Gilberto de Mello Kujawski. (Clique aqui) Porandubas políticas Para o colunista Gaudêncio...
Migalhas Quentes
22/6/2011

Autorizada permanência de Battisti no Brasil

...clique aqui. 3/2/09 - A politização do caso Cesare Battisti - Francisco Cesar Pinheiro Rodrigues - clique aqui. 3/2/09 - Battisti, o expulsável - Caio Leonardo Bessa Rodrigues - clique aqui. 29/1/09 - Refúgio ilegitimamente concedido, extradição possível - Flávio Bauer Novelli - clique aqui. 29/1/09 - O caso Cesare Battisti - Almir Pazzianotto Pinto - clique aqui. _____
Migalhas Quentes
9/6/2011

STF concede liberdade a Cesare Battisti

...clique aqui. 3/2/09 - A politização do caso Cesare Battisti - Francisco Cesar Pinheiro Rodrigues - clique aqui. 3/2/09 - Battisti, o expulsável - Caio Leonardo Bessa Rodrigues - clique aqui. 29/1/09 - Refúgio ilegitimamente concedido, extradição possível - Flávio Bauer Novelli - clique aqui. 29/1/09 - O caso Cesare Battisti - Almir Pazzianotto Pinto - clique aqui. _____
Migalhas Quentes
25/5/2011

Caso Cesare Battisti volta ao plenário do STF no dia 8 de junho

...clique aqui. 3/2/09 - A politização do caso Cesare Battisti - Francisco Cesar Pinheiro Rodrigues - clique aqui. 3/2/09 - Battisti, o expulsável - Caio Leonardo Bessa Rodrigues - clique aqui. 29/1/09 - Refúgio ilegitimamente concedido, extradição possível - Flávio Bauer Novelli - clique aqui. 29/1/09 - O caso Cesare Battisti - Almir Pazzianotto Pinto - clique aqui. _____
Informativo Migalhas
18/5/2011

MIGALHAS nº 2.632

...(Clique aqui) Strauss-Kahn Para o desembargador aposentado Francisco Cesar Pinheiro Rodrigues, a acusação de abuso sexual contra Dominique Strauss-Kahn, forte adversário de Sarkozy na eleição presidencial de 2012, pode vir a ser o Watergate gaulês, já que "somente um alto grau de embriaguez ou desequilíbrio mental explicaria um comportamento tão anômalo, prejudicial a si mesmo e ao partido a que pertence, por parte de um provável futuro presidente da França". (Clique aqui) História O advogado Antonio Clarét Maciel Santos assina artigo sobre a tragédia que abalou a...
Migalhas Quentes
17/5/2011

Gilmar Mendes mantém prisão de Battisti

...clique aqui. 3/2/09 - A politização do caso Cesare Battisti - Francisco Cesar Pinheiro Rodrigues - clique aqui. 3/2/09 - Battisti, o expulsável - Caio Leonardo Bessa Rodrigues - clique aqui. 29/1/09 - Refúgio ilegitimamente concedido, extradição possível - Flávio Bauer Novelli - clique aqui. 29/1/09 - O caso Cesare Battisti - Almir Pazzianotto Pinto - clique aqui. _____
Migalhas Quentes
14/5/2011

Advogados pedem ao STF liberação de Battisti e processo é distribuído para ministro errado

...clique aqui. 3/2/09 - A politização do caso Cesare Battisti - Francisco Cesar Pinheiro Rodrigues - clique aqui. 3/2/09 - Battisti, o expulsável - Caio Leonardo Bessa Rodrigues - clique aqui. 29/1/09 - Refúgio ilegitimamente concedido, extradição possível - Flávio Bauer Novelli - clique aqui. 29/1/09 - O caso Cesare Battisti - Almir Pazzianotto Pinto - clique aqui. ________________
Migalhas Quentes
13/5/2011

PGR - Ato que negou extradição de Battisti não pode ser questionado pela Itália

...clique aqui. 3/2/09 - A politização do caso Cesare Battisti - Francisco Cesar Pinheiro Rodrigues - clique aqui. 3/2/09 - Battisti, o expulsável - Caio Leonardo Bessa Rodrigues - clique aqui. 29/1/09 - Refúgio ilegitimamente concedido, extradição possível - Flávio Bauer Novelli - clique aqui. 29/1/09 - O caso Cesare Battisti - Almir Pazzianotto Pinto - clique aqui. ________________
Informativo Migalhas
27/4/2011

MIGALHAS nº 2.617

...assuntos mais complexos e fascinantes ? O desembargador aposentado Francisco Cesar Pinheiro Rodrigues reflete sobre as possíveis causas e pondera que "o desinteresse pela leitura origina-se mais de uma deficiente técnica de movimentar os olhos, no ato de ler, do que de uma deficiência de inteligência". (Clique aqui) _____________ TV Migalhas dr. Pintassilgo - Alfenas/MG Vídeo com entrevistas - Clique aqui Informações sobre a comarca - Clique aqui _____________ Na tela A TV Migalhas conta com o valoroso apoio da Escola de Direito do Brasil - EDB. (Clique aqui)...
Informativo Migalhas
12/4/2011

MIGALHAS nº 2.608

...(Clique aqui) Corte desfigurada Para o desembargador aposentado Francisco Cesar Pinheiro Rodrigues, é errôneo afirmar que o STJ anulou as provas referentes à operação Castelo de Areia, uma vez que só um único ministro efetivo do Tribunal, no caso a ministra relatora Maria Thereza de Assis Moura, adotou o entendimento contrário à validade do conjunto probatório. Os outros dois votos favoráveis aos HCs, como ressalta o articulista, foram proferidos por desembargadores convocados. Mais do que o caso em si, o artigo põe em xeque a composição atual do STJ, que faz com que alguns...
Informativo Migalhas
28/3/2011

MIGALHAS nº 2.597

...relatar suas primeiras impressões sobre a obra de José Saramago, Francisco Cesar Pinheiro Rodrigues, desembargador paulista aposentado, exalta a maestria e originalidade do pensador português. Para ele, o escritor é um corajoso cientista do pensamento e da moral - principalmente na visão política. (Clique aqui) Recall político O professor Jose Antonio Lomonaco brinda-nos com artigo que analisa as formas de participação direta dos cidadãos no processo legislativo e na manutenção do sistema representativo. Para tanto, disserta sobre o instituto do recall sob a ótica da CF/88....
Informativo Migalhas
28/2/2011

MIGALHAS nº 2.580

...(Clique aqui) Veneno De acordo com o desembargador aposentado Francisco Cesar Pinheiro Rodrigues, há três venenos que intoxicam a convivência humana : a calúnia, a difamação e a injúria. Para exemplificar, o autor conta casos verídicos do Judiciário brasileiro. (Clique aqui) Migalaw Quem nunca ouviu piadas e reclamações sobre o excesso de formalismo e jargões em textos jurídicos ? Essa é a questão abordada por Luciana Carvalho na coluna de hoje. (Clique aqui) Presença A coluna Migalaw conta com o valoroso patrocínio do Banco Bradesco. Lado a lado O Bradesco quer estar...
Informativo Migalhas
8/2/2011

MIGALHAS nº 2.566

...vantagem deve ser igual ao perigo", o desembargador aposentado Francisco Cesar Pinheiro Rodrigues discute medidas cujo fim é a diminuição dos recursos protelatórios. Entre elas, está a sugestão do ministro Peluso de que os processos sejam executáveis após o julgamento da apelação, se houver. (Clique aqui) _____________ Migalhas mundo Ficção em julgamentos A rádio americana NPR analisou a influência das séries televisivas em julgamentos, como CSI, que retrata o cotidiano de investigadores que resolvem casos analisando os locais do crime e pistas para se chegar ao...
Migalhas Quentes
7/2/2011

Defesa de Battisti apresenta recurso contra a decisão que negou sua soltura

...clique aqui. 3/2/09 - A politização do caso Cesare Battisti - Francisco Cesar Pinheiro Rodrigues - clique aqui. 3/2/09 - Battisti, o expulsável - Caio Leonardo Bessa Rodrigues - clique aqui. 29/1/09 - Refúgio ilegitimamente concedido, extradição possível - Flávio Bauer Novelli - clique aqui. 29/1/09 - O caso Cesare Battisti - Almir Pazzianotto Pinto - clique aqui. ________________
Migalhas Quentes
29/1/2011

Em carta à Itália, Dilma defende legitimidade de decisão pela permanência de Battisti no Brasil

...clique aqui. 3/2/09 - A politização do caso Cesare Battisti - Francisco Cesar Pinheiro Rodrigues - clique aqui. 3/2/09 - Battisti, o expulsável - Caio Leonardo Bessa Rodrigues - clique aqui. 29/1/09 - Refúgio ilegitimamente concedido, extradição possível - Flávio Bauer Novelli - clique aqui. 29/1/09 - O caso Cesare Battisti - Almir Pazzianotto Pinto - clique aqui. ________
Migalhas Quentes
19/1/2011

STF - Battisti poderá ser extraditado se decreto presidencial contrariar tratado

...clique aqui. 3/2/09 - A politização do caso Cesare Battisti - Francisco Cesar Pinheiro Rodrigues - clique aqui. 3/2/09 - Battisti, o expulsável - Caio Leonardo Bessa Rodrigues - clique aqui. 29/1/09 - Refúgio ilegitimamente concedido, extradição possível - Flávio Bauer Novelli - clique aqui. 29/1/09 - O caso Cesare Battisti - Almir Pazzianotto Pinto - clique aqui. ________
Migalhas Quentes
10/1/2011

Caso Battisti tem desdobramentos

...clique aqui. 3/2/09 - A politização do caso Cesare Battisti - Francisco Cesar Pinheiro Rodrigues - clique aqui. 3/2/09 - Battisti, o expulsável - Caio Leonardo Bessa Rodrigues - clique aqui. 29/1/09 - Refúgio ilegitimamente concedido, extradição possível - Flávio Bauer Novelli - clique aqui. 29/1/09 - O caso Cesare Battisti - Almir Pazzianotto Pinto - clique aqui. ________
Migalhas Quentes
7/1/2011

Advogado Luís Roberto Barroso acredita que negação de soltura a Battisti constitui uma espécie de golpe de Estado

...clique aqui. 3/2/09 - A politização do caso Cesare Battisti - Francisco Cesar Pinheiro Rodrigues - clique aqui. 3/2/09 - Battisti, o expulsável - Caio Leonardo Bessa Rodrigues - clique aqui. 29/1/09 - Refúgio ilegitimamente concedido, extradição possível - Flávio Bauer Novelli - clique aqui. 29/1/09 - O caso Cesare Battisti - Almir Pazzianotto Pinto - clique aqui. _________           _________
Migalhas Quentes
5/1/2011

STF manda desarquivar processo de extradição de Cesare Battisti

...clique aqui. 3/2/09 - A politização do caso Cesare Battisti - Francisco Cesar Pinheiro Rodrigues - clique aqui. 3/2/09 - Battisti, o expulsável - Caio Leonardo Bessa Rodrigues - clique aqui. 29/1/09 - Refúgio ilegitimamente concedido, extradição possível - Flávio Bauer Novelli - clique aqui. 29/1/09 - O caso Cesare Battisti - Almir Pazzianotto Pinto - clique aqui. _________
Migalhas Quentes
4/1/2011

Cópia da petição apresentada pelos advogados de Battisti ao STF, solicitando a soltura do italiano

...clique aqui. 3/2/09 - A politização do caso Cesare Battisti - Francisco Cesar Pinheiro Rodrigues - clique aqui. 3/2/09 - Battisti, o expulsável - Caio Leonardo Bessa Rodrigues - clique aqui. 29/1/09 - Refúgio ilegitimamente concedido, extradição possível - Flávio Bauer Novelli - clique aqui. 29/1/09 - O caso Cesare Battisti - Almir Pazzianotto Pinto - clique aqui. _________           _________
Migalhas Quentes
4/1/2011

Jurista Dalmo de Abreu Dallari defende soltura de Battisti

...clique aqui. 3/2/09 - A politização do caso Cesare Battisti - Francisco Cesar Pinheiro Rodrigues - clique aqui. 3/2/09 - Battisti, o expulsável - Caio Leonardo Bessa Rodrigues - clique aqui. 29/1/09 - Refúgio ilegitimamente concedido, extradição possível - Flávio Bauer Novelli - clique aqui. 29/1/09 - O caso Cesare Battisti - Almir Pazzianotto Pinto - clique aqui. _________
Migalhas Quentes
3/1/2011

Lula nega extradição de Cesare Battisti

...clique aqui. 3/2/09 - A politização do caso Cesare Battisti - Francisco Cesar Pinheiro Rodrigues - clique aqui. 3/2/09 - Battisti, o expulsável - Caio Leonardo Bessa Rodrigues - clique aqui. 29/1/09 - Refúgio ilegitimamente concedido, extradição possível - Flávio Bauer Novelli - clique aqui. 29/1/09 - O caso Cesare Battisti - Almir Pazzianotto Pinto - clique aqui. _________
Migalhas Quentes
3/1/2011

Defesa de Cesare Battisti entra no STF com pedido de soltura do italiano

...clique aqui. 3/2/09 - A politização do caso Cesare Battisti - Francisco Cesar Pinheiro Rodrigues - clique aqui. 3/2/09 - Battisti, o expulsável - Caio Leonardo Bessa Rodrigues - clique aqui. 29/1/09 - Refúgio ilegitimamente concedido, extradição possível - Flávio Bauer Novelli - clique aqui. 29/1/09 - O caso Cesare Battisti - Almir Pazzianotto Pinto - clique aqui. _________
Migalhas Quentes
7/12/2010

Advogado de Cesare Battisti esclarece acusações feitas em matéria publicada pela Revista Veja

...clique aqui. 3/2/09 - A politização do caso Cesare Battisti - Francisco Cesar Pinheiro Rodrigues - clique aqui. 3/2/09 - Battisti, o expulsável - Caio Leonardo Bessa Rodrigues - clique aqui. 29/1/09 - Refúgio ilegitimamente concedido, extradição possível - Flávio Bauer Novelli - clique aqui. 29/1/09 - O caso Cesare Battisti - Almir Pazzianotto Pinto - clique aqui. _________       _________
Informativo Migalhas
7/12/2010

MIGALHAS nº 2.525

...Advogados; Eliane Abrão, de Eliane Y. Abrão Advogados Associados; Francisco Cesar Pinheiro Rodrigues, desembargador aposentado; Sandra Regina Rossi; Rodrigo, da Plug Locação; Leo Coutinho; Célia R. Sala; Marisa Helena Lello; Ingrid de Sordi; Fernando de Oliveira Teixeira. _____________ Migalhas também é cultura ! Rui Barbosa Machado de Assis Euclides da Cunha Eça de Queirós José de Alencar Clique aqui _____________ Mural Migalhas Veja abaixo as cidades carentes de profissionais : BA/Jaguarari BA/ Ruy Barbosa GO/Carmo do Rio Verde GO/Goiás GO/Joviania...
Migalhas Quentes
5/5/2010

STF comunica MJ e MRE sobre decisão que manda extraditar Battisti

O ministro Gilmar Mendes, do STF, enviou ofício aos ministros da Justiça, Luiz Paulo Barreto, e das Relações Exteriores, Celso Amorim, comunicando oficialmente a decisão da Corte sobre o processo de Extradição, Ext 1085, do ativista italiano Cesare Battisti, cujo julgamento foi concluído em dezembro do ano passado....
Migalhas de Peso
6/1/2010

De Sanctis. Liminar preocupante no STJ

Francisco C. Pinheiro Rodrigues
Todos os brasileiros preocupados com a sensação de impunida dos delitos cometidos pelos detentores do poder econômico, ou político — geralmente ambos, porque o dinheiro é um poder abrangente —, não conseguem entender parte da liminar concedida por digno ministro do Superior Tribunal de Justiça. Sua Excelência concedeu liminar suspendendo todas as medidas judiciais relativas à Operação Satiagraha que resultou em processos por crime de sonegação fiscal, evasão de divisas e lavagem de dinheiro contra Daniel Dantas e executivos do Grupo Opportunity....
Migalhas Quentes
5/12/2009

PL prevê medidas para acelerar julgamento de ações judiciais

A Câmara analisa o Projeto de Lei 5475/09, do deputado Carlos Bezerra (PMDB-MT), que prevê medidas para acelerar o julgamento de ações judiciais. Entre elas, a condenação em honorários de sucumbência entre 5% e 15% sobre o valor da causa ou da condenação em sede de recurso; e a revogação do princípio que proíbe a reformatio in pejus, segundo o qual a parte recorrente não pode ter a situação agravada no julgamento do recurso que ela própria interpôs....
Migalhas Quentes
13/11/2009

Julgamento da extradição de Battisti é suspenso e será desempatado pelo ministro presidente do STF

Em virtude da ausência de alguns ministros da Corte ao final do julgamento, o presidente do STF, ministro Gilmar Mendes, encerrou a sessão sem apresentar seu voto de desempate no processo de EXT 1085, de Cesare Battisti. Antes disso, porém, o Plenário rejeitou argumentos da defesa de que não caberia voto de desempate na matéria e que o empate (4 votos a 4) deveria beneficiar o extraditando, nos moldes do que ocorre quando há empate em habeas corpus. O ministro Gilmar Mendes deverá retomar o julgamento no dia 18/11....
Migalhas Quentes
12/11/2009

Toffoli confirma que não participará do julgamento de Battisti

O ministro Dias Toffoli, do STF, informou em documento dirigido ao presidente do STF, ministro Gilmar Mendes, que não participará do julgamento do ativista de esquerda Cesare Battisti (EXT 1085). No documento, Dias Toffoli comunica que tomou decisões declarando a sua "suspeição, por motivo de foro íntimo", para atuar na Extradição 1085 e no MS 27875, ambos sobre o caso Battisti....
Migalhas Quentes
5/11/2009

PEC dos Vereadores e caso Battisti estão na pauta de julgamentos do STF previstos para a próxima semana

Os ministros do STF devem decidir na sessão plenária da próxima quarta-feira, 11/11, se referendam ou não a liminar concedida pela ministra Cármen Lúcia Antunes Rocha nos autos da ADIn 4307 ajuizada pelo procurador-geral da República, Roberto Gurgel, que questiona dispositivo da EC 58/09 (PEC dos Vereadores), alterou a composição das Câmaras Municipais e determinou sua aplicação retroativa às eleições de 2008....
Migalhas Quentes
8/9/2009

Paulo Bonavides publica carta em defesa ao refúgio concedido a Cesare Batistti

Manifesto Jurista e professor Paulo Bonavides em defesa ao refúgio concedido a Cesare Batistti Um dos mais reverenciados constitucionalistas no Brasil, Paulo Bonavides, elaborou uma carta, a ser entregue aos Ministros do STF, com veemente defesa do ato do Ministro Tarso Genro que concedeu refúgio ao ex-ativista Cesare Battisti. Após comentar os anos de chumbo na Itália, criticar os processos baseados em delação premiada contra réus revéis e defender a soberania nacional, referiu-se ao processo como uma revanche histórica contra os perdedores da guerra fria. O ...
Migalhas Quentes
8/9/2009

Suplicy lê carta de escritora francesa em defesa de Cesare Battisti

O senador Eduardo Suplicy (PT/SP) leu em Plenário carta que a escritora francesa Fred Vargas encaminhou ao ministro Cezar Peluso, do Supremo Tribunal Federal, relator do processo de extradição, a pedido do governo italiano, de Cesare Battisti, ex-integrante de um dos braços das Brigadas Vermelhas. A escritora vem lutando para que o STF confirme a decisão do ministro da Justiça brasileiro, Tarso Genro, que concedeu status de refugiado político a Battisti. ...
Migalhas Quentes
7/9/2009

STF julga extradição de Cesare Battisti

As sessões plenárias desta semana no STF terão como assuntos principais a extradição do italiano Cesare Battisti e ações envolvendo políticos que exercem mandatos no Congresso Nacional, como o deputado federal Edmar Moreira (PR/MG) e o senador Expedito Júnior (PR/RO)....
Migalhas de Peso
13/3/2008

Células-tronco embrionárias e o STF

oripec@t
O tema jurídico mais em evidência, hoje é o julgamento, em tramitação no STF, da constitucionalidade da Lei de Biossegurança, aprovada em 2005. Pelo que diz a mídia, alguns ministros julgadores — que defendem, em tese, a pesquisa utilizando as células-tronco embrionárias —, estão acenando com deficiências na lei ordinária. Fala-se — em “off”, sem menção de nomes —, em falhas na fiscalização das clínicas de fertilização in vitro; falta de menção, na lei, quanto ao destino dos embriões vetados para pesquisa e não usados para a reprodução; necessidade de submissão dos comitês de ética dos institu...
Migalhas Quentes
23/1/2008

Resultado do Sorteio de obra "Direito & Política Internacional"

Sorteio de obra Migalhas tem a honra de sortear dois exemplares da obra "Direito & Política Internacional" (Leiditathi Editora Jurídica - 412 p.), escrita e gentilmente oferecida por Francisco Cesar Pinheiro Rodrigues. Sobre a obra : O presente livro é uma compilação de cerca de oitentas ensaios – alguns mesclam-se com crônicas -, constantes do site do autor, www.franciscopinheirorodrigues.com.br, já publicados, fragmentariamente, em variados portais da internet. Os ensaios agrupados em "temas internacionais" abordam assuntos polêmicos, entre os quais o conflito Israel X P...