Ney Castelo Branco Neto

Migalheiro desde maio/2020.
/depeso
28/5/2020

Façamos da interrupção um novo caminho

É preciso mandar embora a nossa vontade de ir embora, transformando-a em calma e na paz que merecemos.