Rivadavio Anadão de Oliveira Guassú

Rivadavio Anadão de Oliveira Guassú

Migalheiro desde abril/2014.
Advogado, coordenador Cível/Previdenciário de Loguercio, Beiro e Surian Sociedade de Advogados. Formado pela PUC Campinas, é especialista em Direito Civil e Processual Civil e pós-graduando em Direito Público.
Migalhas de Peso
13/7/2016

O retrocesso social da MP 739/16

A MP 739/16 representa um retrocesso nos direitos sociais e causa enorme e irreparável dano aos segurados.
Migalhas de Peso
27/3/2015

Multiparentalidade - Dupla Paternidade/Maternidade

Multiparentalidade busca proteger não somente a criança ou adolescente, mas pessoa que durante anos desenvolveu relação socioafetivo como se pai/mãe fosse.
Migalhas de Peso
26/2/2015

O que muda após a RN 368/15 com relação à cesárea e ao parto normal

A norma não proíbe a realização de cesárea, apenas assegura que a gestante seja devidamente orientada para optar pelo procedimento adequado.
Migalhas de Peso
3/4/2014

Lei Maria da Penha: uma evolução histórica

Maria da Penha foi uma entre as incontáveis vítimas de violência doméstica espalhadas pelo planeta. Mas sua luta e coragem significou uma mudança de paradigma.
Informativo Migalhas
3/4/2014

MIGALHAS nº 3.341

...11.340/06. É o que rememoram os advogados Karina Balduino Leite e Rivadavio Anadão de Oliveira Guassú, do escritório Loguercio, Beiro e Surian Sociedade de Advogados. (Clique aqui) Teoria da afetação A incidência da teoria da afetação patrimonial no âmbito das entidades fechadas de previdência complementar é o tema sobre o qual discorre o advogado Sérgio Luiz Akaoui Marcondes, do escritório Zamari e Marcondes Advogados Associados S/C. (Clique aqui) _____________ Migalhas Mundo Campanhas ianques Suprema Corte dos EUA derruba limite para contribuições financeiras...