sábado, 31 de outubro de 2020

COLUNAS

Publicidade

Cenário - 27.12.18

quinta-feira, 27 de dezembro de 2018

Menos Estado nos estados

Governadores eleitos e reeleitos vão tomar posse em 1º de janeiro pressionados por crises fiscais e de confiança que, em maior ou menor grau, afetam a todos.

Muitos fizeram campanha prometendo cortar na própria carne e mesmo quem não se comprometeu com isso será cobrado a fazê-lo por força das circunstâncias.

Propostas de reformas administrativas estão por aí sendo apresentadas pelas equipes de transição. A maioria prevê o enxugamento de secretarias e a criação de travas ao crescimento dos gastos com pessoal.

Em alguns lugares do país o cavalo de pau promete ser mais forte do que em outros - caso de Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Roraima, Pernambuco, Rio Grande do Sul, Paraná e Goiás.

Estudos produzidos por órgãos públicos e por consultorias independentes têm servido de insumos para a elaboração dos planos de ação. Todos sugerem urgência e medidas efetivas já em janeiro.

Sem folga no Orçamento de 2019, os gestores estaduais estão ilhados. A capacidade de investimento é nula (ou quase!) e as despesas com a folha - incluindo a Previdência - só aumentam.

Greves

Servidor reage

Os reflexos às medidas que devem ser tomadas pelos governadores já estão incorporados ao discurso dos sindicatos.

Os primeiros meses de 2019 tendem a ser marcados por greves no funcionalismo.

Teto

Próximos choques

A conjuntura fiscal observada do alto, envolvendo também a União, é item obrigatório do debate público instalado desde agora.

A Consultoria de Orçamento da Câmara dos Deputados produziu um documento bastante denso sobre os próximos anos - levando em consideração a política de teto de gastos.

O resumo geral é que o crescimento continuado das despesas obrigatórias pressiona o teto de gastos do Poder Executivo, podendo exigir um "esforço legislativo voltado à contenção e revisão de despesas obrigatórias"

Leia aqui a íntegra de "Projeções orçamentárias: cenários para 2019-2023 no contexto de tetos de gastos".

Posse 1

Tutorial do dia 1º

Está ativo o site oficial da posse do presidente eleito Jair Bolsonaro.

Hospedado no portal do governo federal, nele há dicas, informações de utilidade pública e cuidados a serem tomados por quem estará em Brasília para acompanhar o evento.

Posse 2

Último ensaio

No domingo (30), será realizado o segundo e último ensaio geral da posse.

Figurantes vão simular percursos que o presidente eleito fará na Esplanada - inclusive prevendo chuva.

AGENDA

Nova esplanada

Os ministros do futuro governo do presidente eleito, Jair Bolsonaro, reúnem-se hoje em Brasília. Serão dois encontros: pela manhã, na Escola Nacional de Capacitação Pública (Enap); à tarde, no gabinete de transição, no Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB)

Futebol

A 15ª edição do Jogo das Estrelas, evento anual beneficente promovido por Zico, acontece hoje no Maracanã a partir das 18h

________________________________________

SABER

Quadrinhos| Está em exposição em São Paulo até 31 de março de 2019 a maior retrospectiva do universo das HQs já montada no Brasil: "Quadrinhos" pode ser vista no Museu da Imagem e do Som (MIS)

________________________________________

SUSTENTÁVEL

Causa verde| Pesquisa da Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais (Anbima) indica que gestoras e administradoras de recursos do país levam em conta os potenciais impactos ambientais, sociais e de governança dos processos de investimento ao analisarem os riscos e as oportunidades

________________________________________

TECH

Feira| Tudo sobre a Consumer Electronic Show - CES 2019, que acontecerá entre os dias 8 e 11 de janeiro em Las Vegas (EUA). Serão mais de 4.500 empresas expositoras, incluindo fabricantes, desenvolvedores e fornecedores

________________________________________

BEM-ESTAR

Ano novo| O Ministério da Saúde lista 15 ações saudáveis para realizar em 2019 (saiba quais)

________________________________________

JORNAIS

Queiroz | Fabrício de Queiroz, ex-assessor do senador eleito Flávio Bolsonaro (PSL-RJ), afirmou que sua movimentação financeira - considerada atípica pelo Coaf - é fruto da compra e venda de veículos usados. As declarações foram dadas em entrevista ao SBT (manchete de O Globo e de O Estado de S. Paulo)

Incentivo | O presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL), afirmou, em sua conta no Twitter, que sua gestão vai exercer "rígido controle" das isenções fiscais relacionadas à Lei Rouanet (todos os veículos)

Israel | O primeiro-ministro de Israel, Binyamin Netanyahu, deverá participar da cerimônia de posse de Jair Bolsonaro, de acordo com a Embaixada de Israel (todos os veículos)

Indulto | O ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann, confirmou que o presidente Michel Temer excluirá crimes de corrupção do indulto natalino deste ano. Segundo o ministro, o decreto será assinado até amanhã (todos os veículos)

Reformas | O governo de Jair Bolsonaro pretende ter um cronograma de medidas a serem divulgadas durante o mês de janeiro que reduza a burocracia. Reformas estruturais como a da Previdência ficarão para fevereiro (manchete do Valor Econômico)

São Paulo | A Câmara Municipal de São Paulo aprovou, em segunda votação, a reforma da previdência dos servidores municipais. Em reação, servidores anunciaram greve a partir de 4 de fevereiro (manchete da Folha de S.Paulo)

Assassinato | O ex-governador do Espírito Santo Gerson Camata, de 77 anos, foi morto em Vitória. Ele recebeu um tiro no pescoço e não resistiu. Marcos Vinícius Moreira Andrade, ex-assessor de Camata, confessou o crime (todos os veículos)

Mercados | Após quatro quedas consecutivas, as Bolsas americanas tiveram um dia de forte alta motivada principalmente pelos bons resultados do varejo neste Natal. O índice Dow Jones teve pela primeira vez na história uma alta diária de mais de 1.000 pontos, avançando 4,98% (todos os veículos)

Atualizado em: 27/12/2018 11:12

COORDENAÇÃO

FSB Inteligência,

Publicidade