quarta-feira, 21 de outubro de 2020

COLUNAS

Publicidade

Expressões Latinas nº 204

terça-feira, 14 de setembro de 2010

Clam possidere dicimus eum qui furtive ingressus est possessionem - "Dizemos que possui clandestinamente quem entrou furtivamente na posse."

Clandestina possessio - "Posse clandestina."

Coactus voluit, attamen voluit - "Quis coagido, entretanto quis."

Codex accepti vel expensi - "Registro do recebido e do gasto (caixa)."

Codicillos autem etiam plures quis facere potest - "Pode alguém, fazer também, muitos codicilos."

Coelibes esse prohibento - "Sejam proibidos os celibatos."

Coelum quod supra id intercedit, liberum esse debet - "O céu, que se interpõe sobre ele, deve ser livre."

Coemptio, imaginaria venditio - "A coempção é uma venda imaginária."

Coemptione vero in manum conveniunt (feminae) per mancipationem - "As mulheres caem sob a "manus" por coempção, por meio da mancipação."

Cogitationis poenam nemo patitur - "Ninguém sofre a pena do pensamento."

Cogito, ergo sum - "Eu penso, logo existo."

Cognatio naturalis, spiritualis - "Cognação natural, espiritual."

 

Atualizado em: 13/9/2010 15:37

COORDENAÇÃO

Silvio Teixeira Moreira, foi desembargador do TJ/RJ, ex-promotor de Justiça do MP/SP, ex-professor de Latim e advogado criminal.

Publicidade