quinta-feira, 21 de janeiro de 2021

MIGALHAS DE PESO

Publicidade

Obrigatoriedade do certificado digital para registros e projeto nova JUCESP

Luiz Guilherme Trevisan

A JUCESP é a pioneira no processo de virtualização do atendimento ao usuário.

segunda-feira, 5 de novembro de 2012

O Certificado Digital passa a ser obrigatório para registros na Junta Comercial do Estado de São Paulo (JUCESP). O Projeto de modernização da JUCESP, também conhecido como "NOVA JUCESP", que pretende promover a virtualização do atendimento visando um procedimento único e mais seguro para registros empresariais, adotou uma nova medida que passou a ser obrigatória desde 28 de maio de 2012.

Importante ressaltar que a partir dessa determinação obrigatória, não é mais possível nem realizar o Cadastro Web e consequentemente a geração dos formulários necessários para registro de atos societários, sem acessar com Certificado Digital.

Vale destacar que nesse primeiro momento, não é necessário que o Certificado Digital seja especificamente da sociedade que irá alterar e registrar seus atos, sendo possível o acesso ao Cadastro Web para tais providências por meio de qualquer pessoa que já possua o Certificado Digital.

Ainda não há previsão de quando passará a ser obrigado o acesso via Certificado Digital específico da sociedade anônima que realizará seus registros.

Após o período de testes, como o governo chama, apesar da obrigatoriedade, os outros tipos empresariais também passarão a exigir a necessidade da certificação.

No entanto, importante observar que durante o período de testes, não é necessário que cada empresa possua o seu Certificado Digital.

Dentre os objetivos do Projeto "Nova JUCESP", assinado pelo Governador Geraldo Alckmin no dia 17 de maio de 2012 e encaminhado a Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (ALESP), estão, principalmente:

a) a transformação da organização em uma autarquia especial, tornando-a uma instituição mais moderna, promovendo a virtualização do atendimento ao usuário, do qual o Certificado Digital acima explicado faz parte, e

b) a integração da JUCESP com os municípios paulistas, a Receita Federal do Brasil (RFB) e demais fiscos e órgãos estaduais responsáveis pelo licenciamento de empresas: Vigilância Sanitária, Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (Cetesb) e Corpo de Bombeiros.

O Certificado Digital é o documento eletrônico de identidade da pessoa física ou jurídica. O interessado na obtenção de um certificado digital, e-CPF ou e-CNPJ, deverá escolher uma das Autoridades Certificadoras Habilitadas, disponíveis no site da Receita Federal1, para o preenchimento e envio da solicitação de certificado digital.

Importante observar que, não poderão ser titulares de certificados e-CPF ou e-CNPJ, as pessoas físicas cuja situação cadastral perante o CPF esteja enquadrada na condição de cancelado e as pessoas jurídicas cuja situação cadastral perante o CNPJ esteja enquadrada na condição de inapta, suspensa ou cancelada.

Após a solicitação do Certificado Digital, faz-se obrigatória a identificação do solicitante, feita pela Autoridade de Registro, de forma presencial, podendo, inclusive, ser no domicilio do solicitante.

Com a aprovação da solicitação, será necessário instalar o Certificado Digital no Computador e utilizar o e-CPF ou e-CNPJ para preenchimento do formulário da JUCESP, via Cadastro Web2.

Pode-se considerar que referido Projeto é benéfico tanto para pequenos quanto grandes empresários. Além da vantagem trazida com todo processo de virtualização, a integração com outros órgãos contribuirá para:

1. A celeridade do processo de abertura de uma sociedade, alteração ou encerramento, vez que estima-se que o prazo para atendimento da solicitação será reduzido de aproximadamente 01 (um) mês para 07 (sete) dias, bem como,

2. Redução dos custos com deslocamentos, reconhecimento de firmas e autenticação de documentos.

Destacamos que, as vantagens acima apontadas podem ser confirmadas, vez que a integração com outros órgãos já é realizado em outros Estados do país, como por exemplo, Minas Gerais, Paraná, Maranhão, entre outros. No entanto, a JUCESP é a pioneira no processo de virtualização do atendimento ao usuário.

___________

* Luiz Guilherme Trevisan é advogado do escritório Almeida Advogados

Almeida Advogados

_________

Atualizado em: 1/11/2012 14:13

AUTORES MIGALHAS

Busque pelo nome ou parte do nome do autor para encontrar publicações no Portal Migalhas.

Busca

AUTORES MIGALHAS VIP

Gabriela Araujo Sandroni

Gabriela Araujo Sandroni

Informativo Migalheira desde 2020
Murillo de Aragão

Murillo de Aragão

Informativo Migalheiro desde 2018
Justiliana Sousa

Justiliana Sousa

Informativo Migalheira desde 2020
Carlos Barbosa

Carlos Barbosa

Informativo Migalheiro desde 2019
Antonio Pessoa Cardoso

Antonio Pessoa Cardoso

Informativo Migalheiro desde 2004
Guilherme Alberge Reis

Guilherme Alberge Reis

Informativo Migalheiro desde 2020
Roberto Rosas

Roberto Rosas

Informativo Migalheiro desde 2015
Jones Figueirêdo Alves

Jones Figueirêdo Alves

Informativo Migalheiro desde 2011
Vantuil Abdala

Vantuil Abdala

Informativo Migalheiro desde 2008
Miguel Reale Júnior

Miguel Reale Júnior

Informativo Migalheiro desde 2003

Publicidade