domingo, 29 de novembro de 2020

MIGALHAS DE PESO

Publicidade

Pirataria - Sinônimo de atraso e corrupção

Mais que crime (e até uma forma de corrupção), pirataria é veneno! Veneno quando encontrado em forma de remédios piratas, que podem não fazer o efeito desejado para curar uma doença ou até intoxicar.

terça-feira, 24 de outubro de 2017

Há quanto tempo estamos ouvindo manifestações contra a corrupção? Há quanto tempo o gigante acordou e está indignado com seus políticos e procura a limpeza do congresso e de onde mais for? E em quanto tempo vamos parar de vender e comprar produtos piratas? Parece não ser lógico o raciocínio, não é verdade? Mas é mais do que podemos imaginar, infelizmente.

Bom, aqui eu poderia elencar uma série de estatísticas de quanto à população perde com o imposto não declarado de venda de produtos piratas - e, então, crio um interlocutor que em seu diálogo comigo diria, "mas, para que declarar impostos, se todo o nosso dinheiro vai parar em malas e apartamentos de políticos?" Ou quantos criminosos, de todos os colarinhos, também, ganham e movimentam no mundo da pirataria, enquanto uma boa parcela da população apenas empobrece ou não possui real proveito das coisas, já que estas são de consumo imediato e não se perpetuam.

Poderia discorrer, também, como a corrupção e a pirataria contribuem para o trabalho análogo ao escravo, infantil e de estrangeiros e assim por diante... E como contraponto, imagino aquele interlocutor dizendo para mim o quanto é difícil uma mãe dizer ao seu filho de cinco anos que não pode comprar a camiseta do time dele, pois é cara demais... Assim, a pirataria passa a ter um papel de Robin Hood, que tira dos ricos e dá aos pobres.

Então, eu pergunto: O que de fato a pirataria dá aos pobres? Arrisco dizer que de fato não dá nada, apenas ilusão e mais amarras. Nesse ponto o meu interlocutor imaginário rebateria: E as milhares de famílias que vivem de bancas de camelôs de produtos piratas? Eu diria: Eles não poderiam vender nada original e que fomentasse a cultura e economia local? E assim a discussão levantaria mais infinitas indagações.

O que quero dizer é que mais que crime (e até uma forma de corrupção), pirataria é veneno! Veneno quando encontrado em forma de remédios piratas, que podem não fazer o efeito desejado para curar uma doença ou até intoxicar. Veneno para todo o nosso cenário econômico, uma vez que sendo o país da pirataria, o Brasil deixa de ser um mercado atrativo para investidores, da mesma forma que a pirataria se faz veneno de nossa cultura e inovação, pois apenas traz cópias não confiáveis e petrifica o desenvolvimento da inovação. Consequentemente, a nossa capacidade de crescimento perante o mundo, o que poderia significar uma séria de coisas entre elas, a real aplicação de nossa Constituição Federal, garantindo condições mínimas, que para muitos ainda é inalcançável, de uma vida digna!

Assim, não podemos esperar muito dos corruptos lá de cima, se aqui embaixo continuamos a praticar uma série de corrupções, entre elas a pirataria. O que fazer? Simples e fácil: deixar de consumir produtos piratas.

______________

*Clara Toledo Corrêa é advogada da Toledo Corrêa Marcas e Patentes.

Atualizado em: 24/10/2017 17:07

AUTORES MIGALHAS

Busque pelo nome ou parte do nome do autor para encontrar publicações no Portal Migalhas.

Busca

Publicidade