sábado, 24 de outubro de 2020

MIGALHAS DE PESO

Publicidade

O compliance officer no mundo 4.0 - ferramentas tecnológicas oferecidas pelas lawtechs e legaltechs

As lawtechs e legaltechs aceleram a integração corporativa, auxiliam na maior transparência e segurança das operações e informações internas e externas das companhias nesse novo mundo 4.0.

segunda-feira, 8 de outubro de 2018

Estamos diante do mundo 4.0, ou revolução 4.0 como muitos preferem denominar, onde a convergência entre tecnologias da informação e a operação se mostra cada vez mais veloz e eficiente.

Nesse cenário, inegável que o compliance officer se depara, a todo momento, com uma quantidade infinita de dados e informações, desde o início do processo de implantação do programa de compliance até seu efetivo funcionamento e monitoramento contínuo.

Com o aumento expressivo do número das operações de negócios digitais, houve a necessidade de desenvolvimento de ferramentas jurídicas tecnológicas (lawtechs e legaltechs) que também auxiliam o compliance officer nas suas tarefas diárias, reduzindo tempo com tarefas administrativas e apresentando maior exatidão nos números e resultados estatísticos. Isso pois, o desenvolvimento de sistemas computacionais com habilidade de desempenhar tarefas antes realizada pelo ser humano agrega valor para área de compliance, permitido ao profissional maximizar sua capacidade e conhecimento técnico.

A fala, a robótica, visão, machines, PNL e a lógica são algumas das tecnologias utilizadas no âmbito do compliance para ajudar na automação da expertise, reconhecimento e classificação de imagens e documentos, tradução, captura de dados e informações, expandindo o processamento e compartilhamento de informações para atendimento das necessidades corporativas, permitindo previsões e provisões mais abrangentes com maior celeridade e assertividade.

Essas ferramentas contribuem para a detecção, tratamento e correção de desvios e inconformidades, atos ilícitos ou ilegais praticados no ambiente corporativo. Há uma contribuição mútua entre as ferramentas tecnológicas no mercado legal e o compliance, vez que os softwares maximizam os resultados dos trabalhos do profissional de compliance e este, por sua vez, atua detectando eventuais falhas no sistema da organização.

As novas tecnologias se apresentam como soluções integradas aos procedimentos adotados pelas empresas para dar maior agilidade às operações e tarefas rotineiras de análise de dados, gerenciamento de riscos, investigações e monitoramento do programa de compliance, o que se mostra imprescindível nos dias atuais, considerando a velocidade das informações, o cenário dinâmico de constante alteração de leis e regulamentações, bem como detecção e combate às redes de crime organizado que se tornam cada vez mais digitais.

Assim, as lawtechs e legaltechs aceleram a integração corporativa, auxiliam na maior transparência e segurança das operações e informações internas e externas das companhias nesse novo mundo 4.0, além da otimização de tempo e custo, tornando o combate à fraude e corrupção no ambiente corporativo mais estratégico, possibilitando ao compliance officer se dedicar integralmente às funções de cunho estratégico e analítico.

___________

*Michele da Silva Gonsales é advogada do escritório Alves Ferreira & Mesquita Sociedade de Advogados.

 

Atualizado em: 25/9/2019 14:52

AUTORES MIGALHAS

Busque pelo nome ou parte do nome do autor para encontrar publicações no Portal Migalhas.

Busca

AUTORES MIGALHAS

Marcelo Tavares Cerdeira

Migalheiro desde 2008

Milena Fório

Migalheira desde 2018

Bianca Serrano

Migalheira desde 2020

Sérgio Campinho

Migalheiro desde 2019

Alneir Fernando S. Maia

Migalheiro desde 2019

Fernando Borges Vieira

Migalheiro desde 2011

Gustavo Milaré Almeida

Migalheiro desde 2017

Marcio Roberto Alabarce

Migalheiro desde 2007

Dalmar Pimenta

Migalheira desde 2009

Atala Correia

Migalheiro desde 2020

Sherley Santos Brito

Migalheira desde 2018

Publicidade