Encerrado


Seminário

Como preparar sua empresa para a NF-e

  • Data: 11/4
  • Horário: 8h30 às 18h
  • Local: Mercure Paulista Hotel - Rua São Carlos do Pinhal, 87 - São Paulo, SP

Apresentaçao

A nota fiscal eletrônica vai mudar o relacionamento da sua empresa com o fisco e com a cadeia de fornecedores e clientes. Ela se tornará obrigatória a partir de 2008. Se você trabalha em uma empresa de grande porte, é provável que ela esteja já no início do ano obrigada a adotar todo uma nova rotina, que compreende a geração de um documento eletrônico antes que a mercadoria saia da fábrica ou o serviço seja prestado. As autoridades fiscais federal e estaduais tomarão conhecimento on line de todas as suas transações, que precisarão ser informadas com a devida transparência. Essas declarações permitirão o imediato cruzamento de informações das empresas envolvidas na cadeia produtiva, desde os fornecedores de matérias prima.

A Receita Federal e as Secretarias de Fazenda ganharão com a nota fiscal eletrônica um poderoso instrumento para identificar e combater a sonegação fiscal. Os fiscais não precisarão mais visitar empresas para realizar suas diligências. Terão condições de apurar em tempo real a inadimplência de qualquer um dos seus fornecedores antes da sua mercadoria ter sido transportada. A fiscalização poderá ser conduzida e praticamente concluída em pouco tempo sem que o fiscal esteja presente em sua empresa. Essa mudança fará grande diferença na capacidade de fiscalização dos governos federal e estaduais, considerando o número inadequado de fiscais que todas as esferas de governo dispõem.

Você precisa se preparar a partir de agora para as mudanças das rotinas fiscais. As empresas, que deixarem para adequar os seus procedimentos tributários na última hora, correrão o risco de interromper no início do ano a normalidade das suas transações comerciais. Com a geração do documento eletrônico, todas as informações fiscais precisarão ser fornecidas em tempo real, antes do embarque da mercadoria. As especificações técnicas para geração de arquivos eletrônicos vêm sendo disciplinadas por legislações federais e estaduais. Desta forma, as empresas podem e devem a partir de agora ir se preparando para a rotina da emissão digital de seus documentos fiscais.

A nota fiscal eletrônica é parte do projeto SPED (Sistema Público de Escrituração Digital), que visa digitalizar todas as informações contábeis e fiscais das empresas. Este projeto permitirá às empresas trocarem entre si valiosas informações em tempo real, permitindo a melhoria das cadeias produtivas e abrindo novas perspectivas para redução de custos, aprimoramento de qualidade e ganhos de competitividade.

A adoção da nota fiscal eletrônica requer, sobretudo, uma revisão imediata da estratégia fiscal da sua empresa. A nova capacidade das autoridades fiscais em cruzar informações em tempo real requer um cuidado maior nos procedimentos adotados por sua empresa para a apuração dos impostos. Não deixe para depois essa preocupação. Você deve atuar sobre ela antes da adoção da nota fiscal eletrônica. A sua empresa, da mesma forma, não deve pagar mais impostos do que é demandado pela legislação. Você precisa saber as possibilidades de engenharia fiscal que serão abertas.

A InterNews reúne neste seminário alguns dos melhores especialistas para você se preparar para a nota fiscal eletrônica. Participe deste evento. Não corra riscos deixando para se adequar às mudanças na última hora.

PROGRAMA

8h30 - Credenciamento

9h - Como se preparar para a NF-e

-Vagner Diniz
Presidente do Instituto Conip (Conhecimento, Inovação e Práticas de Tecnologia da Informação na Gestão Pública)

9h50 - Coffee Break

10h10 - Aceitação e resistência às mudanças de rotina nas empresas

-Alberto Di Santi
Coordenador de Ações de Mercado do Confeb (Conselho Privado da Nota Fiscal Eletrônica) e Sócio-diretor da Ecorp - Empresa de tecnologia e Desenvolvimento de Sistemas

11h10 - Aspectos Jurídicos: O que muda na engenharia tributária com a entrada da NF-e

-Adolpho Bergamini
Senior da Divisão do Contencioso do escritório de advocacia Braga & Marafon

12h - Almoço

14h - As Mudanças nas Rotinas Fiscais na sua Empresa

-Roberto Paiva
Gerente de Assessoria Tributária da Ernst &Young

15h - Como se preparar para a adoção da NF-e e do SPED (Sistema Público de Escrituração Digital)

-Fábio Luíz Florentino
Advogado Associado do escritório Felsberg e Associados. Especialista Tributário e em Impostos de Renda de Pessaos Jurídicas pela Associação Paulista de Estudos Tributários - APET-SP

15h50 - Coffee Break

16h20 - Case I — Abordagens para Implementação da NF-e

  • Os desafios de um projeto de sistema de NF-e
  • Avaliação dos principais modelos de implementação
  • Modelos aplicados pela Serasa em sua solução para NF-e
  • Quais modelos são mais adequados para cada empresa

-Dorival Dourado
Diretor de Operações de Telemática da Serasa

17h10 - Case II — Objetivos atingidos, benefícios e desafios encontrados com a implantação da NF-e

  • Desafios do projeto
  • Modelo aplicado pela Módulo

-Fernando Nery
Sócio Fundador da Módulo

18h - Encerramento

Investimento

-R$ 1.780,00 para inscrições pagas até dia 3/4
-
R$ 1.970,00 para inscrições pagas após o dia 3/4

*Inclusos: os custos de material, coffee break, almoço e estacionamento

Realização

  • InterNews Com.Emp. e Editora

___________
Para concorrer à vaga:


Clique aqui.

INFORMAÇÕES E INSCRIÇÕES

TELEFONE

0800-177 707 /(11) 3751-3430

e-mail

atendimento@internews.jor.br,

ou

Clique aqui

Publicado quinta-feira, 8 de março de 2007