Supersalário

25/2/2005
Conrado de Paulo

"É inconcebível que os ministros do STF tenham salário de R$ 21.500, enquanto que o presidente Lula recebe apenas R$ 8.800. Afinal, o próprio presidente do STF, Nelson Jobim, votou a favor da taxação dos servidores inativos, desrespeitando a cláusula pétrea do direito adquirido, contida na Constituição Federal. Com a aprovação da taxação, os ministros que votaram a favor, mostraram desconhecimento de um dos mandamentos constitucionais mais importantes. Se o STF existe para dirimir dúvidas quanto a preceitos constitucionais, seria o caso de serem demitidos os quatro ministros que votaram a favor dessa taxação, por terem demonstrado não ter o mínimo de preparo para exercer a função no mais alto escalão hierárquico que compõe o Poder Judiciário. Eles merecem ter um salário nunca maior que o do presidente da República."

Envie sua Migalha