domingo, 25 de outubro de 2020

ISSN 1983-392X

Ideologia

de 27/2/2005 a 5/3/2005

"Quanto à informação de que nos últimos 14 dias 42 deputados mudaram de partido e que em dois anos foram 176 (Migalhas 1.113 – 23/2/05 – "Ideologia?"), devo dizer que sempre desconfiei um pouco da representatividade de nossos políticos. Como é possível que um deputado se eleja por um partido (o PT, por exemplo) e, depois, se transfira para outro (o PFL, por exemplo)? E o eleitor, como fica? O mandato não é exercido em nome dos eleitores? Não seria o caso de pensar na tal reforma do legislativo que, um deputado que foi eleito sendo de um partido (que, espera-se, tenha uma ideologia) ao abandoná-lo deva perder o mandato? Porque, se não for assim, trata-se de um caso de mandato que abandona o mandante para ficar de propriedade do mandatário."

Wilson Silveira - CRUZEIRO/NEWMARC Patentes e Marcas Ltda - 28/2/2005

Comente

Cadastre-se para receber o informativo gratuitamente

WhatsApp Telegram