domingo, 25 de outubro de 2020

ISSN 1983-392X

Aposentadoria compulsória

de 18/4/2010 a 24/4/2010

"Leio: CNJ decide aposentar juíza do PA que deixou jovem presa com 20 homens (Migalhas 2.371 - 22/4/10 - "Aposentadoria" - clique aqui). Só podiam usar dessa atitude: parabéns ao CNJ, só espero que ela não seja aposentada com todas as regalias (como sói acontecer), aí não seria punição, mas prêmio."

Olavo Príncipe Credidio – OAB/SP 56.299 - 22/4/2010

"Prezados migalheiros, imaginem o que seria da magistrada se ainda estivéssemos nos tempos da lei de talião "olho por olho dente por dente" onde a pena deveria ser na mesma proporção ao autor do ilícito (Migalhas 2.371 - 22/4/10 - "Aposentadoria" - clique aqui)."

Anésio Paulo Trevisani - 22/4/2010

"A maior pena para isso na magistratura é a aposentadoria, que bom ser juiz (Migalhas 2.371 - 22/4/10 - "Aposentadoria" - clique aqui). Para o trabalhador comum muitas vezes nem a aposentadoria consegue junto ao INSS, tendo que recorrer a justiça e olhe lá ainda. Deveria ser demitida a bem do serviço público e sem qualquer regalia, e como prêmio, dar umas férias pra ela na mesma cela que a menina ficou trancafiada. Que vergonha!"

Jair Carvalho - 23/4/2010

"É a única categoria em que a punição é um prêmio (Migalhas 2.371 - 22/4/10 - "Aposentadoria" - clique aqui)."

Sonia Cartelli - 23/4/2010

Comente

Cadastre-se para receber o informativo gratuitamente

WhatsApp Telegram