quarta-feira, 21 de outubro de 2020

ISSN 1983-392X

Quinto Constitucional

de 17/4/2005 a 23/4/2005

"Gostaria, muito, de ouvir meus Colegas. Por que o meu Prezado amigo e Presidente D'Urso não toma qualquer providência sobre o Quinto Constitucional no Tribunal de Justiça Militar de São Paulo, onde  NUNCA  houve Advogado indicado pelo Quinto Constitucional, mesmo depois de sessenta e oito (68) anos de existência? Pelo discurso proferido no TJ até parece que D'Urso está muito preocupado com a representação constitucional da OAB/SP. Ou, ainda, pensa em "não ferir susceptibilidades" militares?"

Antonio Cândido Dinamarco – OAB/SP 32.673 - Conselheiro da Primeira Turma do Conselho de Prerrogativas da OAB/SP - 18/4/2005

Comente

Cadastre-se para receber o informativo gratuitamente

WhatsApp Telegram