quarta-feira, 21 de outubro de 2020

ISSN 1983-392X

Fogo!

de 15/5/2005 a 21/5/2005

"Pirófilo - "Governador é extorquido", sob este título - Migalhas 1.168 - R$ 50 mil para cada deputado -, que, segundo as gravações, somam 10 representantes do povo, isso nos dá a cifra de R$ 500 mil de propina que exigiram do governador Ivo Cassol. Lembrei-me do imperador Romano Nero, que, pra acabar com a peste bubônica, que já vinha batendo os umbrais do palácio, vendo que não havia tempo para esperar as discussões do plenário do senado, ordenou ao comandante da guarda que ateasse fogo em Roma. Fato que a história relata como sendo uma loucura, entretanto, há historiadores sustentando o contrário, e que a partir daí acabou a peste, e Roma pode sobreviver, em época que não havia ainda a vacina contra a febre bubônica. Este mote serve para nós brasileiros, também estudar um jeito de botar fogo na nossa Roma, através de meios eficazes que nos livre das ratazanas que infestam as câmaras representativas do povo.

Fogo em Roma 

Nero botou fogo em Roma,
numa grande jogada,
a saída encontrada
pra acabar com as ratazanas,
o acusaram de mente insana,
mas loucura não era motivo,
porque o fogo, foi o curativo
contra a peste bubônica.

Ao ver a notícia, malina:
governador sendo extorquido,
deputados lhe exigindo
(que triste sina)
500 mil pratas de propina,
vejo que já está na hora
de se agir sem demora,
rápido e sem embroma,
acabando com a farroma,
dando de mão no avio,
acendendo logo o pavio,
pra lascar fogo em Roma!"

Mano Meira - 17/5/2005

"Pra acabar com os ratos
Como quer o Mano Meira
Nem o fogo ou o veneno
Sugiro outra maneira:
Se a galinha sempre cisca
Rato sempre morde a isca
Que tal uma ratoeira?

São milhões de ratoeiras
Do Oiapoque ao Chuí
Pois se gritar pega o rato
Quase ninguém fica aqui!"

Zé Preá - 18/5/2005

Comente

Cadastre-se para receber o informativo gratuitamente

WhatsApp Telegram