quinta-feira, 22 de outubro de 2020

ISSN 1983-392X

Daslu

de 10/7/2005 a 16/7/2005

"Templo dos humilhados": avenida Ipiranga próxima da praça da República, centro de S. Paulo, crianças e adolescentes dormindo no chão, pisadas pelos paulistanos apressados. "Templo dos endinheirados" (financiado pelo BNDES): formação de quadrilha, sonegação fiscal, falsificação de documentos e contrabando. Isso é o tal do nexo causal? Parabéns e viva à "Operação Narciso". Vivas à PF, à RF, ao MP e ao PM! Reconhecido,"

Armando Rodrigues Silva do Prado - N.B. PM quer dizer Poderoso Migalhas que divulgou "Narciso" - 14/7/2005

"Estas operações "glamourosas" da Polícia Federal malferem nosso Estado Democrático de Direito e a forma de execução nos parece típico crime de abuso de autoridade, porque é indubitável que a pessoa investigada e sob custódia temporária é exposta a vexame em âmbito nacional, pois ali estão de prontidão um arsenal bélico desproporcional, inúmeros (e desproporcionais) agentes, ou seja, uma festa retumbante. A ilegalidade da prisão, então, é manifesta e borbulhante: prende primeiro, processa-se depois. É a versão pós-moderna do "atirar primeiro e perguntar depois". Estou atônito..."

Emerson José do Couto - 14/7/2005

"DASLU-CRATIVAS MANEIRAS DE OPERAR

Dior, Vuiton, Givenchy, Cartier

"Temos de tudo...tudinho...venham ver"

Armani, Cardin, Volvo, Valentino

"É do melhor...escolham...é do fino..."

Pr'a entrar: "se vire nos trinta..."*

La dentro: "sorria: capriche na pinta"

Passado o susto, na calma, passe em cada andar

Escolha, separe mas, "não pega bem" pechinchar.

Vá de cabeça, segure o cartão e comece a torrar

Grifes abundam, etiquetas não faltam, o desvario é total

Lembra States, Londres, Paris... tudo qu'é longe daqui

De repente, uma ordem: "na parede, mãos pr'o ar!"

São muitos, uma centena...baixou a Federal

Rasgando o preto básico, com aço sueco, par’ela resta o haraquiri.

* Para o menos avisados: R$30,00 é o custo da primeira hora no estacionamento privativo da mega loja. Dizem que os que sobrevivem, acabam pagando..."

Pio Pardo - 14/7/2005

Comente

Cadastre-se para receber o informativo gratuitamente

WhatsApp Telegram