terça-feira, 20 de outubro de 2020

ISSN 1983-392X

Porte de arma

de 26/7/2015 a 1/8/2015

"A toda evidência, essa posição é perfeita acerca do porte de arma por magistrados (Migalhas 3.665 - 27/7/15 - "Miga 3" - clique aqui). A abordagem a juiz de Direito e até desembargadores, sempre as vi como arbitrárias, sempre ofereci meus comentários a esse teor, lastreado na vivência como advogado e antes como autoridade policial. O magistrado, antes de tudo, é um crítico de si mesmo, ele próprio que buscará inteirar-se de melhor manuseio de armas caso queira melhorar sua prática. Evidentemente, creio, como em minha época, as polícias civis estarão com seus estandes prontos para atendimento aos magistrados, dando-lhes suporte para suas buscas a teor de treinos, cabendo aos tribunais se entenderem por bem, dar regulamentação interna corporis."

Edson Barbosa Nunes - 27/7/2015

Comente

Cadastre-se para receber o informativo gratuitamente

WhatsApp Telegram