domingo, 25 de outubro de 2020

ISSN 1983-392X

Artigo - A virtude da desconfiança

de 9/7/2006 a 15/7/2006

"Por certo, entre os leitores de Migalhas há membros do Ministério Público e da Polícia Federal e, já que tratamos de bolinhas, com eles a bola da vez (Migalhas 1.451 – 11/7/06 – "É a boa !", Francisco Cesar Pinheiro Rodrigues – clique aqui)."

Celso Henrique dos Santos Fonseca - 12/7/2006

"Caro Francisco Cesar Pinheiro Rodrigues, Tais considerações acerca dos 'sortilégios' da mega-sena sempre me deixaram perplexo (Migalhas 1.451 – 11/7/06 – "É a boa !" – clique aqui). Mas gostaria de acrescentar outro fator de extrema singularidade. George Orwell, em 'ficção' (The big brother) prevê a manipulação da loteria como fator de infinita esperança para os desvalidos. Pois bem, agora começa a minha cisma. Perceba que a acumulação dos sorteios ocorre sempre em momentos de exaltação, de necessitada renovação em pessoas ou sistemas e, principalmente, para o esquecimento momentâneo (ou quem sabe ad infinitum) de situação constrangedora por qual passa o governante. Tome nota de quantas acumulações ocorrerão no decorrer da campanha eleitoral e, principalmente, no final do ano, mais exatamente, no período de festas. Para melhor compreensão, verifique, como fiz um dia, os dias em que se acumularam os pagamentos da mega-sena e tome nota do dia e por qual situação política ou econômica passava o País. Parece devaneio, mas tomará até um susto. Abraços e continue apostando, não em sorteios, mas nos homens."

Rodrigo Rodrigues - 12/7/2006

"Caro amigo. Comungo integralmente com as suas preocupações (Migalhas 1.451 – 11/7/06 – "É a boa !", Francisco Cesar Pinheiro Rodrigues – clique aqui). Sugiro vasculhar também um fato ocorrido há poucos anos atrás. Num sorteio da Mega, os ganhadores foram de capitais do nordeste que, por acaso, não obedeciam o horário de verão e estavam com uma hora a menos. Coincidência? Quem sabe?"

Cláudio João José – escritório Manhães Moreira Advogados Associados - 12/7/2006

Comente

Cadastre-se para receber o informativo gratuitamente

WhatsApp Telegram