sábado, 24 de outubro de 2020

ISSN 1983-392X

Liberdade de escolha

de 18/11/2018 a 24/11/2018

"Ação descabida (Migalhas 4.487 – 23/11/18 – "Liberdade de escolha" – clique aqui). Se os petralhas vencesse quem iria manter empreendimentos com a volta da política desastrosa da poste da Dilma?"

Paulo Cesar da Silva Machado - 23/11/2018

"Se o MP quer que o cara feche as portas, fala logo de uma vez (Migalhas 4.487 – 23/11/18 – "Liberdade de escolha" – clique aqui)."

Arnaldo Gomes Bianchini - 23/11/2018

"Não da para acreditar que o MPF se preste a fazer esse tipo de ação (Migalhas 4.487 – 23/11/18 – "Liberdade de escolha" – clique aqui). Fora petralhas. Pensan que vão continuar a intimidar o povo. Fora."

Zevi Commazzetto - 23/11/2018

"Acho que ele não coagiu (Migalhas 4.487 – 23/11/18 – "Liberdade de escolha" – clique aqui). Ele apenas alertou o que aconteceria na empresa Havan. O proprietário de uma empresa deve sim alertar seus funcionários de possível crise econômico-financeira, até para evitar demissões. Creio que não houve assédio moral e sim um comunicado interno empresarial. A meu ver a sentença é desproporcional ao ato e com cunho de enriquecimento ilícito. Obs. É apenas minha opinião como cidadã."

Ana Maria Alves Roberto - 23/11/2018

"Sem lógica isso (Migalhas 4.487 – 23/11/18 – "Liberdade de escolha" – clique aqui). Mesmo que fosse verdade o que afirma o MPT, nem o dono da Havan, nem ninguém teria o controle do voto do funcionário na urna eletrônica. Absurdo."

Dirceu Jacob de Souza - 23/11/2018

Comente

Cadastre-se para receber o informativo gratuitamente

WhatsApp Telegram