Governo Lula

12/2/2007
Armando Silva do Prado

"O jurista Miguel Reale Jr. comenta sobre o direito legítimo do deputado Dirceu provar sua inocência (Migalhas 1.593 – 9/2/07 – "Autoria"). Mas, o professor parte para a desqualificação daquele que, ao contrário de muitos oportunistas, fez a boa luta, ainda que às custas de uma possível carreira no serviço público ou na atividade particular. Em 2006 o deputado Dirceu sofreu um julgamento político empurrado pelas quatro famílias 'donas do pensamento público' em Pindorama (Marinho, Civita, Frias e Mesquita). Se 1,5 milhão do povo entender que ele merece a anistia, não haverá de ser a claque 'goebbelsiana' que a impedirá."

Envie sua Migalha