sábado, 24 de outubro de 2020

ISSN 1983-392X

Nota de esclarecimento - Associação Nacional dos Delegados de Polícia Federal

de 11/3/2007 a 17/3/2007

"Solidarizo-me e parabenizo toda a tripulação da GOL Linhas Aéreas que impediu o embarque dos Delegados Federais, portando armas, nas suas aeronaves (Migalhas 1.610 – 9/3/07 – "Migas – 6" – clique aqui). Acima de qualquer prerrogativa devem prevalecer o respeito e a segurança da população, o que a GOL deixou evidente na sua atitude. Se são autoridades, se estão em operação, que se identifiquem como tal."

Ana Cláudia Gomes - 13/3/2007

"A cada dia nos aproximamos dos regimes autoritários e ninguém dá a mínima bola. Agora a Polícia Federal não só põe em risco a vida e segurança de centenas de pessoas como ainda acha que o que fez é correto e deve ser obedecido. Pasmem ainda que eles acham que não devem nem mesmo se identificar para as empresas que os transportam (que deve zelar pela segurança de seus clientes), mas somente para as autoridades públicas, ou seja, para o imperador supremo que tudo decide, enquanto que meros mortais imbecis e inconseqüentes devem ficar calados, obedecer de cabeça baixa e jamais se negar a obedecer a KGB.... desculpa, PF. A nota da PF demonstra claramente o rumo que estamos tomando (Migalhas 1.610 – 9/3/07 – "Migas – 6" – clique aqui)... O ponto é: Vai ficar por isso mesmo?"

Daniel Silva - 13/3/2007

Comente

Cadastre-se para receber o informativo gratuitamente

WhatsApp Telegram