quinta-feira, 22 de outubro de 2020

ISSN 1983-392X

Floresta Amazônica

de 6/1/2008 a 12/1/2008

"Vejo publicado em um importante 'site' de notícias que madeireiras disputam a primeira concessão de áreas de floresta na Amazônia. Oito concessionárias entraram na disputa pela Concessão Florestal da Floresta Nacional Jamari, em Rondônia, em conformidade com a Lei de Gestão de Florestas Públicas, e a área licitada equivale a mais de duas áreas da cidade de Curitiba. Isso está parecendo aquela história da legalização da maconha. Seus defensores diziam que, se não dá para combater o tráfico, talvez legalizando o tráfico acabe, num dos melhores absurdos argumentativos já criados nos tempos contemporâneos. Há quem pense que a 'gestão das florestas públicas' irá diminuir o desmatamento e a grilagem de terras. É por isso que o Brasil não vai para frente, mesmo. Entretanto, no caso da Amazônia, as agressões que agora se permitem por Lei serão cobradas, e muito caro, pela própria natureza destruída. Deixem a floresta amazônica, sobretudo a brasileira, em paz!"

Dávio Antonio Prado Zarzana Júnior - 11/1/2008

Comente

Cadastre-se para receber o informativo gratuitamente

WhatsApp Telegram