sexta-feira, 23 de outubro de 2020

ISSN 1983-392X

Economia capitalista

de 20/6/2004 a 26/6/2004

"Correndo o risco de ser grosseiro, gostaria de apontar uma questão no artigo “A economia capitalista por Hyman P. Minsky e o otimismo do mercado que gera estabilidade desestabilizante". É que os bancos centrais não atuam - e nunca atuaram - como emprestadores de última instância para empresas não-financeiras. Como órgãos historicamente responsáveis pela higidez do sistema financeiro, dadas as peculiaridades das instituições que operam em tal sistema (alto grau de alavancagem, em especial) e a dimensão "sistêmica" da atividade financeira, os bancos centrais funcionam como "lenders of last resort" dos bancos. Sua atuação se destina, assim, a impedir que um problema isolado se transforme em crise bancária, pelos processos de alastramento típicos das economias monetárias contemporâneas. Por outro lado, vale lembrar que a moderna regulação financeira vem criando cada vez mais mecanismos de proteção ao sistema (como as regras de sistema de pagamentos, por exemplo) ou de controle "a priori" da estrutura dos bancos (o que é parte da chamada regulação prudencial), de modo a evitar alguns dos subprodutos negativos da atuação dos bancos centrais como emprestadores de última instância. De qualquer forma, fica registrado que banco central não dá suporte a empresas não financeiras, por mais endividadas que elas estejam."

Otavio Yazbek - 24/6/2004

Comente

Cadastre-se para receber o informativo gratuitamente

WhatsApp Telegram