segunda-feira, 19 de outubro de 2020

ISSN 1983-392X

Rui Barbosa

de 2/11/2008 a 8/11/2008

"No Migalhas 2.020 (- 5/11/08 – "Aniversário") constou Rui Barbosa com 'i', não seria com 'y'? Ele quando soube que meu tio avô Wenceslau Brás era candidato à Presidência da República, renunciou à sua candidatura para meu tio avô ser candidato único. Que honra!"

Nota da redação – o informativo Migalhas 1.865, de 26/2/08, trouxe o verbete "Ruy Barbosa ou Rui Barbosa?" na seção Gramatigalhas. Clique aqui para conferir.

Sonia Castro Valsechi - escritório Mello Mazzini Advogados - 5/11/2008

"Lindo o texto do professor Goffredo e louvável a lembrança de Migalhas (2.020 - 5/11/08 – "1949" - clique aqui)! Parabéns à redação!"

Roberta Resende - 5/11/2008

"Só escrevi Rui Barbosa para estar coerente com o título do tópico, já que o correto é Ruy Barbosa, margrado as explicações dos responsáveis por Gramatigalhas, ainda mais agora com o recente acordo ortográfico, que retornou ao alfabeto a letra 'Y', de Ruy, assim como o 'W' deste que subscreve estas linhas e que, além do comentário reproduzido por Migalhas 2.020 (que trouxe o de Migalhas 1.865), havia, também, comentado o seguinte:

"Só para complementar, chato vai ser para Arnaldo Niskier, citado pelo professor José Maria da Costa, ser lembrado, após sua morte, como 'Nisquier', ou ter que escrever o nome de seu pai (Mordko), como Mórdico e de sua mãe Fani (Fany) (Migalhas 1.865 - 26/3/08 - "Gramatigalhas" - clique aqui). Seria ridículo, acharia Arnaldo Niskier, com 'k'. Em pouco tempo, ninguém mais vai saber de quem se trata. Aliás, na própria Academia Brasileira de Letras, da qual Ruy Barbosa fez parte, indica seu nome como Rui, mas mantém Taunay com 'y', assim como Alcides Maya, Álvaro Moreyra e Cyro dos Anjos, para que não argumentem que os sobrenomes são mantidos. O mesmo acontece com Darcy Ribeiro, Franklin Távora, Ivo Pitanguy, Juracy Camargo, José Sarney, Lafayette Rodrigues Pereira, Lygia Fagundes Telles, Moacyr Scliar, Odylo Costa Filho e Raymundo Faoro, muitos já falecidos, cujos nomes foram preservados. Assim, parece que Ruy Barbosa - assim, com 'y' - vem sofrendo injusta discriminação, provocando indesejável homonímia com outros tantos Ruis que não são o 'nosso' Ruy, o Barbosa, o 'Águia de Haia', que se escreve, sim, com 'y', como outros tantos famosos que tiveram seus nomes preservados pela Academia que, também, tem por obrigação preservar o idioma pátrio e as normas ortográficas. Do futuramente, Uiçu Silveira,".

Então, essa história de manter essa discussão acerca do nome de RUY, como diria meu falecido pai, é questão de 'lana caprina'."

Wilson Silveira - CRUZEIRO/NEWMARC PROPRIEDADE INTELECTUAL - 7/11/2008

"Sr. diretor, totalmente de acordo com o migalheiro dr. Wilson. Ruy deve ser escrito com 'Y' como o era originalmente. O mal foi essa invasão que os iluminados da Academia fizeram na linguagem. Obviamente eles não tinham o que fazer, varrendo de nossa memória os títulos clássicos, agredindo a etimologia. Certo que não copiamos dos gregos, por exemplo, certas palavras do alfabeto deles. Substituíram o 'fi' por exemplo pelo ph, o theta, pelo th, etc. Se o tivessem copiados teríamos pelo menos as pronúncias corretas. Agora vêm interventores renascer k, y, w, que nunca deveriam ter extraído, porque tinham sua função histórica na pronúncia. Felizmente eu não dou mais aula, senão os agrediria com epítetos nada saudáveis. Por que não vão plantar batatas, em vez de atormentar-nos com cultura que não têm. Parecem como certos presumidos 'juristas' que não tendo o que fazer, para aparecer, dizerem-se cultos em leis, interpretam o 'in claris', como obscuros, quando não há o que interpretar. Data venia" juízes e certos advogados. Atenciosamente,"

Olavo Príncipe Credidio – advogado, OAB 56.299/SP - 7/11/2008

"Verificando que uma pessoa chamada Luiz (com Z) quando falecer passará a ser Luis (com s) que é o português correto. Ao fazer o inventário dos bens do 'de cujus' o nome poderá ser alterado? Considerando que para registrar um formal de partilha, o CRI acha 'pêlo em ovo'. Obrigada."

Maria Elena Piunti Kiriazi - 7/11/2008

Comente

Cadastre-se para receber o informativo gratuitamente

WhatsApp Telegram