sexta-feira, 23 de outubro de 2020

ISSN 1983-392X

Gramatigalhas

de 14/12/2008 a 20/12/2008

"Qual a função do pronome se nas frases abaixo: Secretária precisa-se com prática. Precisa-se de orçamentista. Vende-se loja de vestido. Aluga-se casa no Guarujá. Estou em dúvida, obrigada,"

Izabel Barbosa - 16/12/2008

"Prezado Professor José Maria da Costa, como devemos dizer: Socorremos-nos ou socorremo-nos? Valemos-nos ou valemo-nos? Restringimos-nos ou restringimo-nos? Por quê?"

José da Silva Nava Júnior - Secretaria da Fazenda do Estado do Pará - 16/12/2008

"Minha dúvida é sobre o plural da palavra anexo. Ex: Segue em anexo os documentos. Seguem em anexos os documentos. Obrigada,"

Marister N. Leonel Fernandes

Nota da redação – o informativo Migalhas 1.193, de 22/6/05, trouxe o verbete "Em anexo" na seção Gramatigalhas. Clique aqui para conferir.

Marister N. Leonel Fernandes - 17/12/2008

"Com as recentes alterações nas regras gramaticais da língua portuguesa, qual é o correto: contra-fé, contrafé ou outra forma?"

Reginaldo Paiva - 18/12/2008

"A dúvida é com relação à frase 'em que pese'. A expressão 'em que pese', salvo engano da minha parte, equivaleria a ‘apesar de’. Assim, sua forma seria sempre a de terceira pessoa do singular e ainda se acentua com crase a palavra seguinte. Ex. ‘Em que pese às dificuldades, mas todos saíram vitoriosos’. Ou a forma correta seria flexionar o verbo e haver concordância no plural: ficando assim a frase de forma correta: 'Em que pesem as dificuldades, mas todos saíram vitoriosos?' Saudações humanísticas e cordiais,"

Paulo R. Duarte Lima - advogado, OAB/CE 19.979 - Quixeramobim/CE

Nota da redação – o informativo Migalhas 1.537, de 16/11/06, trouxe o verbete "Em que pese a" na seção Gramatigalhas. Clique aqui para conferir.

Paulo R. Duarte Lima - advogado, OAB/CE 19.979 - Quixeramobim/CE - 18/12/2008

"Valho-me desta para que seja dirimida a seguinte dúvida: Qual a grafia correta da palavra 'talvez', ou será 'talvés'? Em pesquisa a vários dicionários encontro as duas formas. Em algumas obras, encontro uma ou outra. Agradeço desde já,"

Raphael Bordão - escritório Vanuza Sampaio Advogados Associados - 18/12/2008

Comente

Cadastre-se para receber o informativo gratuitamente

WhatsApp Telegram