quarta-feira, 21 de outubro de 2020

ISSN 1983-392X

Bush

de 14/12/2008 a 20/12/2008

"O presidente Bush Filho tomou uma sapatada histórica. Pena que desviou do petardo. O sapato lavou a alma do povo iraquiano. Parabéns ao jornalista M. Zaidi. Saiu barato para essa figura lamentável que (des)governou os EUA."

Armando Silva do Prado - 15/12/2008

"Pena que os muçulmanos sejam tão educados, mesmo com quem não merece, como é o caso do xerife e terrorista texano. No meu terreiro, se me fosse dada a oportunidade, os sapatos seriam substituídos por algo fétido e pastoso, acompanhados de palavras mais carinhosas, inclusive aos familiares de Bush."

Romeu A. L. Prisco - 16/12/2008

"A primeira sapatada, cara Armando Silva do Prado, Bush se esquivou muito bem para a idade, convenhamos. Já a segunda, infelizmente o arremessador errou. Lançou muito alto. Tivesse lançado um pouco mais baixo e teria pego Bush na volta. Teria sido espetacular. Um pouco mais de treino e a honra do Iraque teria sido ‘lavada’ com mais eficiência. Mas, valeu."

Wilson Silveira - CRUZEIRO/NEWMARC PROPRIEDADE INTELECTUAL - 16/12/2008

"Opa, pareceu presente de natal. Me sinto com a alma lavada e olha que não tenho muito a ver com o fato e acontecimentos. Que coisa, onde chegou o grande xerife, se escondendo atrás da mesa, pena que os demais não seguiram o exemplo e arremessaram todos os sapatos ali existentes, seria uma glória. Nas próximas coletivas, se houverem, estarão todos descalços, rs. Não só de baionetas se responde a uma agressão. Parabéns ao Povo Iraqueano."

José Maria T. M. Silva - 17/12/2008

"(Migalhas 2.050 - 17/12/08 - "Só no sapatinho")

Vou comprar o meu sapato
não se sabe o que aí vem
não aceito que ninguém
venha aqui com desacato
eu sou pobre mas sou chato
não sou árabe também
eu acerto igual ninguém
no arremesso quando o faço
encostou em mim eu traço
quem quiser ver então vem."

Ontõe Gago - Ipu/CE - 17/12/2008

"Alguém já pensou de quantas sapatadas Bush já se esquivou para se desviar tão bem dessa vez? Certamente, ele não é nenhum novato na arte de desviar de sapatos, ou de outros objetos atirados contra ele. Assistam de novo. O homem se esquiva e, de pronto, está na posição, para o próximo sapato, ou o que quer que seja, e sempre com um sorriso maroto. Coisa de expert."

Wilson Silveira - CRUZEIRO/NEWMARC PROPRIEDADE INTELECTUAL - 18/12/2008

"(Migalhas 2.050 - 17/12/08 - "Só no sapatinho") O juiz iraquiano que preside o processo contra o réu egípcio, deveria fixar a pena no máximo permitido, única e tão somente pela falta de pontaria do jornalista, que foi buscar notícia e virou manchete."

Antônio Ribeiro - advogado e escritor - 18/12/2008

"Infelizmente, as notícias nunca nos chegam completas. Depois das incertas sapatadas, a Providência Divina Houve por bem, afinal se manifestar. As imagens, que foram flagradas na ocasião, foram suprimidas da mídia pelos órgãos de segurança dos EUA, mas 'vazaram', e aí estão, em primeiríssima mão. O hospital que atendeu o presidente informou que ele passa bem e que os danos sofridos foram mínimos, sendo que os notados já eram pré-existentes. (Clique aqui)"

Wilson Silveira - CRUZEIRO/NEWMARC PROPRIEDADE INTELECTUAL - 19/12/2008

Comente

Cadastre-se para receber o informativo gratuitamente

WhatsApp Telegram