quinta-feira, 29 de outubro de 2020

PÍLULAS

Publicidade

Baú migalheiro

quarta-feira, 16 de janeiro de 2019

Há 73 anos, no dia 16 de janeiro de 1946, o então presidente da República, José Linhares, assinou o decreto-lei 8.689/46, que dispôs sobre a incorporação do Museu Nacional à Universidade do Brasil, que, posteriormente, passou a se chamar Universidade Federal do Rio de Janeiro - UFRJ. Criado por D. João VI através do decreto de 6 de junho de 1818, o museu era denominado, inicialmente, Museu Real. Em setembro de 2018, o Museu Nacional foi destruído por um grave incêndio que devastou seu acervo, o qual consistia em mais de 20 milhões de itens utilizados para pesquisas acadêmicas e científicas.


Museu Nacional, século XIX. Fonte: Assessoria de Imprensa Comunicar - PUC/Rio.


Museu Nacional, século XXI. Fonte: Pesquisa FAPESP.


Incêndio no Museu Nacional, 2018. Fonte: Hora do Povo.


Museu Nacional após o incêndio, 2018. Fonte: TNH1.

Atualizado em: 14/1/2019 11:26