quarta-feira, 28 de outubro de 2020

MIGALHAS QUENTES

Publicidade

Desembargador Manoel Cefas será empossado na próxima semana no TJ/CE

O desembargador Manoel Cefas Fonteles Tomaz será empossado na próxima quarta-feira, 7/4, em sessão plenária extraordinária do TJ/CE. O discurso de saudação ao novo desembargador será feito pelo desembargador Francisco Sales Neto.

sexta-feira, 2 de abril de 2010


Posse


TJ/CE - Desembargador Manoel Cefas será empossado na próxima semana

O desembargador Manoel Cefas Fonteles Tomaz será empossado na próxima quarta-feira, 7/4, em sessão plenária extraordinária do TJ/CE. O discurso de saudação ao novo desembargador será feito pelo desembargador Francisco Sales Neto.

Pelo critério de antiguidade, o então juiz de direito titular da 23ª vara Cível de Entrância Final (Fortaleza), foi eleito no dia 25/3. O ato de nomeação do novo desembargador foi publicado no Diário da Justiça do mesmo dia.

Sob a presidência do desembargador Ernani Barreira Porto, chefe do poder judiciário cearense, o ato solene de posse do desembargador será realizado no Plenário Conselheiro Bernardo Machado da Costa Dória, reunindo autoridades representativas dos poderes executivo, legislativo e do judiciário, familiares, amigos e convidados.

O desembargador Manoel Cefas vai ocupar o cargo que estava vago em decorrência da aposentadoria, voluntária, da desembargadora Maria Sirene de Sousa Sobreira, afastada desde o dia 1/3. A vaga para o cargo de desembargador foi classificada pelo critério de antiguidade, conforme a portaria 307, de 8/3/10, assinada pelo presidente do TJ, desembargador Ernani Barreira Porto.

O juiz de direito Manoel Cefas era o primeiro da relação da 1ª quinta parte da lista de antiguidade publicada no Diário da Justiça do dia 11/3. O desembargador tem 31 anos de serviços prestados à magistratura cearense, pois foi nomeado juiz substituto no dia 8/5/79, assumindo a comarca de Tamboril. A última classificação para acesso de magistrado ao TJ ocorreu pelo critério de merecimento, quando foi nomeado o desembargador Jucid Peixoto do Amaral, integrante da 6ª câmara Cível. O cargo estava vago com o falecimento, no dia 3/12/09, do desembargador Wilton Machado Carneiro.

O novo magistrado a integrar o Pleno do poder judiciário cearense nasceu no dia 24/9/43, na cidade de Santana do Acaraú. É filho de José Isaías de Thomaz Lourenço e Maria Cacilda Fonteles Tomaz. O juiz Manoel Cefas entrou em exercício na magistratura do Ceará, no cargo de juiz substituto, no dia 12/5/79, assumindo a vara única da comarca de Tamboril. O magistrado atingiu a vitaliciedade no dia 12/6/81, ainda na mesma unidade judiciária.

Pelo critério de merecimento, foi promovido - no dia 15/6/81- para a comarca de Independência. Na data de 14/4/87, por antiguidade, foi promovido para a 1ª vara da comarca de Tianguá. Por merecimento, Manoel Cefas foi promovido, na data de 11/10/91, para a vara de Processos de Crimes Contra a Mulher, na comarca de Fortaleza, assumindo, em seguida, a titularidade da 23ª vara Cível no Fórum Clóvis Beviláqua.

_______________
___________

Foto : Irailton Menezes

____________
_______________

Por: Redação do Migalhas

Atualizado em: 1/4/2010 13:25