sábado, 28 de novembro de 2020

MIGALHAS QUENTES

Publicidade

Alunos da Direito GV participam de competições internacionais

Dois grupos de alunos da Direito GV participam de competições internacionais até o final de março. A primeira equipe, composta por Guilherme Mundim, Rafael Doratioto, Pedro da Silva e Mariel Sato, está em Curitiba, onde ocorre a pré-competição para a 18ª Willem Vis International Commercial Arbitration Moot, entre 17 e 19/3, com outras 12 Universidades. Em abril, todas as escolas irão concorrer com outras universidades do mundo, em Viena.

quinta-feira, 17 de março de 2011

Disputa

Alunos da Direito GV participam de competições internacionais

Dois grupos de alunos da Direito GV participam de competições internacionais até o final de março. A primeira equipe, composta por Guilherme Mundim, Rafael Doratioto, Pedro da Silva e Mariel Sato, está em Curitiba, onde ocorre a pré-competição para a 18ª Willem Vis International Commercial Arbitration Moot, entre 17 e 19/3, com outras 12 Universidades. Em abril, todas as escolas irão concorrer com outras universidades do mundo, em Viena.

Na próxima semana, Milena Azevedo, Lucas Pires, Carolina Jatene e Nathalie Sato, viajam à cidade do México para participar da fase latino-americana da ELSA Moot Court Competition on WTO Law 2010-2011, que será realizada entre 23 e 26/3, na Cidade do México.

"Esta competição simula disputas entre países com base nos acordos da OMC. As duas primeiras equipes da fase regional são classificadas para a fase final, que será realizada em maio, em Genebra", explica Rabih Nasser, professor-orientador da Clínica de Direito Global da Direito GV, responsável pelo treinamento das equipes.

A ida dos dois grupos conta com apoio financeiro dos escritórios Demarest e Almeida Advogados, Pinheiro Neto Advogados, Nasser Sociedade de Advogados e Manuel Luís Advogados Associados.

Em fevereiro, um outro grupo de alunos participou da 6ª Competição Internacional de Mediação da CCI - Câmara de Comércio Internacional, uma das mais importantes do mundo, realizada em Paris.

A Direito GV foi a única faculdade latino-americana a ficar entre as 16 melhores universidades do mundo na competição, uma das mais tradicionais em relação à mediação.

Segundo Cassia Nakano Hirai, coodenadora-adjunta de Práticas Jurídicas e Atividades Complementares, a preparação dos alunos, desde a seleção da equipe, demorou cerca de 5 meses. "A equipe, coordenada pelo professor Diego Faleck, teve um trabalho intenso de treinamento que envolveu análises de casos, preparação de habilidades específicas para a competição e uma maratona de encontros em janeiro com simulações de casos", explica Cassia.

____________

____________

Por: Redação do Migalhas

Atualizado em: 17/3/2011 08:42