quarta-feira, 20 de janeiro de 2021

Migalhas

MIGALHAS QUENTES

Publicidade

Pinheiro Neto Advogados representa grupo Brennand e CHESF na compra de aerogeradores da Vestas

Pinheiro Neto Advogados atuou na negociação dos contratos de compra, operação e manutenção de 40 aerogeradores adquiridos por um consórcio formado pela Brennand Energia e pela Companhia Hidro Elétrica do São Francisco - CHESF. Os aerogeradores serão fornecidos pela Vestas do Brasil Energia Eólica - braço brasileiro da multinacional dinamarquesa que é a maior fabricante desse tipo de equipamento no mundo.

terça-feira, 6 de setembro de 2011


Contratos

Pinheiro Neto Advogados representa grupo Brennand e CHESF na compra de aerogeradores da Vestas

O escritório Pinheiro Neto Advogados atuou na negociação dos contratos de compra, operação e manutenção de 40 aerogeradores adquiridos por um consórcio formado pela Brennand Energia e pela CHESF - Companhia Hidro Elétrica do São Francisco. Os aerogeradores serão fornecidos pela Vestas do Brasil Energia Eólica - braço brasileiro da multinacional dinamarquesa que é a maior fabricante desse tipo de equipamento no mundo.

As novas turbinas, que serão instaladas em usinas nas cidades baianas de São Pedro do Lago, Pedra Branca e Sete Gameleiras, terão uma potência instalada total de aproximadamente 90 MW.

Segundo João Fernando Nascimento, associado da banca que participou da negociação, o processo demandou dedicação intensa de todos os advogados envolvidos em razão tanto da complexidade dos temas quanto do tamanho do investimento. "Do ponto de vista estratégico, os projetos têm grande relevância para o grupo Brennand e para a CHESF, pois vão fortalecer a atuação das duas empresas no Nordeste. Além disso, esse é o primeiro projeto de produção de energia eólica feito pelo grupo Brennand no Brasil", afirmou.

Para Mozzart Siqueira, CEO da Brennand Energia, a escolha da Vestas se deveu à competência que desenvolveu na área. "É uma empresa com grande experiência em tecnologia eólica e oferece serviços em todo o mundo. Além disso, tem vasto conhecimento do mercado brasileiro", explicou. Para José Ailton de Lima, diretor da CHESF, a parceria é mais do que promissora. "Acreditamos que a Vestas pode nos ajudar a maximizar nossa capacidade produtiva para obter o melhor retorno possível", disse.

As peças serão entregues na primeira metade de 2012, e o início das atividades está previsto para dezembro do mesmo ano.

_______

_______

Por: Redação do Migalhas

Atualizado em: 6/9/2011 08:15