domingo, 29 de novembro de 2020

MIGALHAS QUENTES

Publicidade

Professor do Mackenzie envolvido em discussão está afastado das atividades acadêmicas

No mês passado, o procurador de Justiça e professor de Direito do Mackenzie Paulo Marco Ferreira Lima envolveu-se em discussão com uma aluna do quinto período de Direito, que teria ido indagar seu mestre quanto ao método de ensino. O professor esboçou dar voz de prisão à aluna.

terça-feira, 20 de setembro de 2011


Sala de aula

Professor do Mackenzie envolvido em discussão está afastado das atividades acadêmicas

No mês passado, o procurador de Justiça e professor de Direito do Mackenzie Paulo Marco Ferreira Lima envolveu-se em discussão com uma aluna do quinto período de Direito, que teria ido indagar seu mestre quanto ao método de ensino. O professor esboçou dar voz de prisão à aluna.

A Corregedoria do MP/SP instaurou procedimento para apurar o caso, e o docente informou em entrevista ao portal Estadão.edu que não está dando aulas desde o início do mês para "resguardo até que tudo seja esclarecido".

Veja abaixo.

__________

Professor do Mackenzie é afastado temporariamente

Docente de Direito que ameaçou dar voz de prisão a aluna não está dando aulas desde o início do mês

19 de setembro de 2011 | 18h 59

Após ameaçar dar voz de prisão a uma aluna no fim de agosto, o professor de Direito Paulo Marco Ferreira Lima, da Universidade Presbiteriana Mackenzie, está afastado das atividades acadêmicas desde o começo deste mês. A informação foi confirmada pelo próprio docente nesta segunda-feira, em entrevista ao Estadão.edu. Segundo o professor, ele foi afastado enquanto o processo administrativo interno apura os fatos.

"Não é uma punição. É apenas para resguardo até que tudo seja esclarecido", afirmou Paulo Marco, que é procurador de Justiça. O caso também está sendo investigado pela Corregedoria do Ministério Público Estadual, que deve terminar a apuração até o fim de novembro. A reitoria foi procurada pela reportagem, mas não quis se pronunciar.

Para lembrar

O caso ocorreu em 26 de agosto. O professor foi abordado por uma aluna do 5.º semestre do curso. Ela discordava de sua metodologia de ensino. Ele teria proibido a moça de entrar na sala de aula, chamou os seguranças e ameaçou dar voz de prisão. De acordo com o procurador, a aluna estava descontrolada e poderia até atacá-lo fisicamente.

O diretório acadêmico de Direito da universidade divulgou nota de repúdio à atitude do professor. Irmão do docente, o também professor do Mackenzie Marco Antônio Ferreira Lima, acusou a aluna, que não quer se identificar por temer represálias, de ter chamado seu irmão de "negro sujo" e que "preto não pode dar aula no Mackenzie".

__________
_______

Leia mais - Notícia

  • 31/8/11 - Confusão entre aluna e professor de Direito do Mackenzie foi parar na grande rede - clique aqui.

Leia mais - Amanhecidas

  • 1/9/11 - Imbróglio mackenzista - A Corregedoria do MP/SP instaurou procedimento que irá apurar o caso do procurador de Justiça e professor de Direito do Mackenzie Paulo Marco Ferreira Lima, que esboçou dar voz de prisão a uma aluna da universidade na última sexta-feira - clique aqui.

  • 1/9/11 - Imbróglio mackenzista - II - De tudo que aconteceu no Mackenzie, ainda a resta : no Facebook, o promotor de Justiça Marco Antônio Ferreira Lima, irmão do professor Paulo Marco, fez acusações sérias acerca da aluna envolvida na discussão - clique aqui.

  • 31/8/11 - Imbróglio mackenzista - Uma discussão entre uma aluna e um professor da Faculdade de Direito do Mackenzie saiu do bairro de Higienópolis, onde está chantada a bela universidade, e foi parar na grande rede - clique aqui.

_______

Por: Redação do Migalhas

Atualizado em: 20/9/2011 08:56