sábado, 16 de janeiro de 2021

MIGALHAS QUENTES

Publicidade

Pinheiro Neto compensa emissões de carbono entre 2011 e 2013

O escritório Pinheiro Neto Advogados - o primeiro escritório de advocacia do Brasil a compensar suas emissões de Gases de Efeito Estufa - já iniciou o plantio de 26.549 árvores de mata nativa, o equivalente a 16 hectares, para compensar a emissão de 5.045 toneladas de carbono que o escritório prevê produzir no triênio 2011-2013. No fim desse período, caso a emissão supere a estimativa, o cálculo será refeito e mais árvores serão plantadas.

sexta-feira, 23 de setembro de 2011


Ambiental

Pinheiro Neto compensa emissões de carbono entre 2011 e 2013

O escritório Pinheiro Neto Advogados - o primeiro escritório de advocacia do Brasil a compensar suas emissões de Gases de Efeito Estufa - já iniciou o plantio de 26.549 árvores de mata nativa, o equivalente a 16 hectares, para compensar a emissão de 5.045 toneladas de carbono que o escritório prevê produzir no triênio 2011-2013. No fim desse período, caso a emissão supere a estimativa, o cálculo será refeito e mais árvores serão plantadas.

A operação de reflorestamento é realizada em uma área de preservação permanente do Alto Vale do Itajaí, em SC, com espécies nativas escolhidas a partir de uma análise da flora da região.

O calculo feito por Pinheiro Neto Advogados foi baseado em emissões diretas e indiretas, que incluem consumo de eletricidade, resíduos produzidos pelas três unidades do escritório e emissões geradas pelo deslocamento terrestre e viagens aéreas realizadas pelos advogados.

O escritório compensa suas emissões de GEE desde 2007. Até agora, foram plantadas 27.387 árvores de espécies da Mata Atlântica, o equivalente a 16,4 mil hectares, na cidade de Anhembi/SP, e 10 mil mudas de espécies nativas, que totalizam 6,25 hectares, na região do Vale do Itajaí.

_______

_______

Por: Redação do Migalhas

Atualizado em: 23/9/2011 08:48