domingo, 24 de janeiro de 2021

MIGALHAS QUENTES

Publicidade

Opinião

Advogados avançaram no uso da internet, afirma presidente do CESA

Carlos Roberto Fornes Mateucci debateu os aspectos éticos da publicidade nas sociedades de advogados.

domingo, 12 de agosto de 2012

"Aquilo que foi vedado em 1994 não representa mais um prejuízo para as nossas atividades de modo impessoal". A afirmação é do presidente do CESA - Centro de Estudos das Sociedades de Advogados, Carlos Roberto Fornes Mateucci, que participou do painel "Aspectos éticos da publicidade nas sociedades de advogados" durante o 5º Congresso Brasileiro de Sociedades de Advogados, promovido pelo SINSA - Sindicato das Sociedades de Advogados dos Estados de São Paulo e Rio de Janeiro.

Mateucci ressaltou que a internet hoje representa redução de custos, agilidade e segurança. "O serviço virtual gera mais segurança e isso impacta na profissão, porque o que era representado por consultas verbais, hoje é representado por e-mail", disse.

O presidente do CESA falou ainda do uso de assessorias de imprensa e de sites pelos escritórios de advocacia como formas de divulgação dos serviços. "Em 1994 existia um formato de atendimento e isso inspirou o nosso código de ética. Recebia-se o cliente no escritório e o volume de informações era limitado. Hoje os e-mails facilitam, economizam tempo e agilizam os contatos. A pessoalidade é muito marcada no nosso código de ética, mas o estatuto que regra a nossa atividade admitiu a troca de e-mail, a criação de sites e isso deu um conforto para a classe e para a própria Ordem dos Advogados. Se acompanharmos a jurisprudência, vamos perceber que avançamos".

A proposta central do "5º Congresso Brasileiro de Sociedades de Advogados" é discutir o atual momento dos escritórios de advocacia, abordando aspectos jurídicos das mais diversas áreas de atuação, que impactam diretamente no exercício do Direito e na gestão dos escritórios.

______

Por: Redação do Migalhas

Atualizado em: 13/8/2012 10:14