segunda-feira, 30 de novembro de 2020

MIGALHAS QUENTES

Publicidade

OAB nacional

Seccionais manifestam apoio a candidatos à presidência da OAB

Alberto de Paula Machado conta com o apoio de 11 Estados, enquanto Marcus Vinicius Furtado Coêlho já apresenta maioria, com 16 votos.

quinta-feira, 6 de dezembro de 2012

Os candidatos à presidência do Conselho Federal da OAB, Alberto de Paula Machado, atual vice-presidente do Conselho, e Marcus Vinicius Furtado Coêlho, secretário-geral da entidade, divulgaram nesta quarta-feira, 5, os manifestos de apoio as suas candidaturas. Machado conta com o apoio de 11 Estados, enquanto Marcus Vinicius já apresenta maioria, com 16 votos.

O inciso II, do art. 67 do Estatuto da Advocacia e o inciso I, do §1º, do art. 137 do Regulamento Geral da OAB preveem que o requerimento de registro de chapas que concorrem à presidência do Conselho Federal deve vir acompanhado do apoio de, no mínimo, seis conselhos seccionais.

Declararam apoio a Alberto de Paula Machado os presidentes das seccionais de GO, MA, MT, PA, PR, RJ, RN, RO, RR, SE e TO. Apoiando o candidato Marcus Vinicius Furtado Coêlho estão os presidentes das OABs do AC, AL, AM, AP, BA, CE, DF, ES, MG, MS, PB, PE, PI, RS e SP e dois conselheiros Federais de SC.

Confira abaixo os manifestos.

______

Alberto de Paula Machado

MANIFESTO PARA INSCRIÇÃO DE CHAPA

Passadas as eleições em nossas seccionais, avizinham-se as eleições para a Presidência do Conselho Federal da OAB. Após refletir e debater sobre as duas candidaturas apresentadas, manifestamos nosso apoio ao Conselheiro Alberto de Paula Machado, recentemente reeleito pela Seccional do Paraná.

Alberto reúne todas as qualidades para exercer a Presidência do Conselho Federal. Tem mais de 30 anos de exercício contínuo da advocacia. É advogado de notável competência profissional e de reputação ilibada. Foi Conselheiro Seccional, Conselheiro Federal e Presidente da Seccional do Paraná, além de Vice-Presidente do Conselho Federal, submetendo-se seguidas vezes ao escrutínio de nossos pares. Tem longa trajetória como gestor, sendo um dos dirigentes mais experientes do Sistema OAB.

Nossa geração de advogados recebeu das gerações passadas um legado de respeito público e legitimidade institucional. Por sua experiência, maturidade e correção de procedimentos, Alberto de Paula é o candidato mais preparado para defender nossos valores e para levar adiante o patrimônio político e institucional de que nossa classe é legatária.

Brasília, 05 de dezembro de 2012.

Henrique Tibúrcio Pena - Presidente da OAB/GO

Mário de Andrade Macieira - Presidente da OAB/MA

Cláudio Stabile Ribeiro - Presidente da OAB/MT

Jarbas Vasconcelos do Carmo - Presidente da OAB/PA

José Lúcio Glomb - Presidente da OAB/PR

Wadih Nemer Damous Filho - Presidente da OAB/RJ

Paulo Eduardo Pinheiro Teixeira - Presidente da OAB/RN

Andrey Cavalcante de Carvalho - Presidente eleito da OAB/RO

Antonio Oneildo Ferreira - Presidente da OAB/RR

Carlos Augusto Monteiro Nascimento - Presidente da OAB/SE

Ercilio Bezerra de Castro Filho - Presidente da OAB/TO

________

Marcus Vinicius Furtado Coêlho

Prezado (a) colega,

Com este manifesto estamos assumindo a responsabilidade de lançar a candidatura de Marcus Vinicius Furtado Coêlho à Presidência do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil, confiantes no seu constante e reconhecido trabalho em defesa dos advogados, da nossa instituição, e das grandes e necessárias transformações pelas quais deve passar a nossa sociedade.

Mais do que isso: contamos com a sua liderança firme, o profundo conhecimento dos problemas dos advogados, o equilíbrio e a convicção de unir a classe em um momento de profundas transformações e sua aguçada visão dos problemas sociais sobre os quais nossa entidade tem que se posicionar. Entendemos serem estes os requisitos básicos de uma candidatura para que a Ordem não perca de vista a missão para a qual foi devotada constitucionalmente, de defesa da democracia, da ordem jurídica e da cidadania.

Em seu quarto mandato consecutivo no Conselho Federal da OAB, onde já exerceu as funções de Presidente da Comissão Nacional de Legislação da entidade - quando contribuiu para a aprovação da lei que tornou inviolável o escritório de advocacia e participou da comissão criada pelo Senado Federal para a elaboração de um anteprojeto do Código de Processo Civil - primeiro presidente da Coordenação do Exame de Ordem nacionalmente unificado e Secretário-Geral, Marcus Vinicius não apenas revelou ser um administrador eficiente e experiente, como também uma liderança democrática, com capacidade de entender que para efetuar mudanças é necessário, vital até, o exercício permanente do diálogo, tanto em nossas instâncias internas, como com os demais agentes sociais.

Portanto, queremos continuar a contar, a caminhar e a lutar ao lado de Marcus Vinicius para que ele possa defender, quando ameaçados, os direitos e a liberdade dos advogados e do cidadão. Temos a convicção de que sua eleição será a melhor garantia de que os advogados não deixarão morrer a tradição democrática da OAB, sempre na vanguarda das lutas por uma sociedade mais justa e um País mais digno.

MARCOS VINICIUS JARDIM RODRIGUES (Presidente eleito OAB/AC)

THIAGO RODRIGUES DE PONTES BOMFIM (Presidente eleito OAB/AL)

ALBERTO SIMONETTI CABRAL NETO (Presidente eleito OAB/AM)

PAULO HENRIQUE CAMPELO BARBOSA (Presidente eleito OAB/AP)

LUIZ VIANA QUEIROZ (Presidente eleito OAB/BA)

VALDETÁRIO ANDRADE MONTEIRO (Presidente reeleito OAB/CE)

IBANEIS ROCHA BARROS JUNIOR (Presidente eleito OAB/DF)

HOMERO JUNGER MAFRA (Presidente reeleito OAB/ES)

LUIS CLAUDIO DA SILVA CHAVES (Presidente reeleito OAB/MG)

JÚLIO CESAR SOUZA RODRIGUES (Presidente eleito OAB/MS)

ODON BEZERRA CAVALCANTI SOBRINHO (Presidente reeleito OAB/PB)

PEDRO HENRIQUE BRAGA REYNALDO ALVES (Presidente eleito OAB/PE)

WILLIAN GUIMARÃES SANTOS DE CARVALHO (Presidente eleito OAB/PI)

MARCELO MACHADO BERTOLUCI (Presidente eleito OAB/RS)

GISELA GONDIN RAMOS (Conselheira Federal eleita OAB/SC)

ROBINSON CONTI KRAEMER (Conselheiro Federal eleito OAB/SC)

MARCOS DA COSTA (Presidente eleito OAB/SP)

Por: Redação do Migalhas

Atualizado em: 6/12/2012 10:31