segunda-feira, 1 de março de 2021

MIGALHAS QUENTES

Publicidade

Diretoria

Sérgio Rosenthal é eleito novo presidente da AASP

Membro do Conselho Diretor da AASP desde o ano de 2007, criminalista exerceu cargos de primeiro tesoureiro, primeiro secretário e vice-presidente.

quarta-feira, 12 de dezembro de 2012

Marcelo Vieira Von Adamek, Luís Carlos Moro, Alberto Gosson Jorge Junior, Sérgio Rosenthal, Leonardo Sica, Luiz Périssé Duarte Junior e Fernando Brandão Whitaker. (Foto: César Viegas)

O criminalista Sérgio Rosenthal é o novo presidente da AASP - Associação dos Advogados de São Paulo. A eleição ocorreu nesta quarta-feira, 12, durante a última reunião deste ano do Conselho Diretor da entidade, à qual compareceram os ex-presidentes Antonio Cláudio Mariz de Oliveira, Clito Fornaciari Júnior, Renato Luiz de Macedo Mange, José Roberto Pinheiro Franco, José Diogo Bastos Neto, Antonio Ruiz Filho, Sérgio Pinheiro Marçal e Fábio Ferreira de Oliveira, além do ex-vice-presidente Paulo Leme Ferrari.

Graduado em 1991, pela Faculdade de Direito da Universidade Mackenzie, Rosenthal tem 43 anos, é especialista em Direito Penal pela Escola Superior do Ministério Público do Estado de São Paulo, especialista em Direito Penal Econômico pela Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra, mestre em Direito Penal pela USP e autor de livros e inúmeros artigos jurídicos.

Membro do Conselho Diretor da AASP desde o ano de 2007, exerceu anteriormente os cargos de primeiro tesoureiro (2008), primeiro secretário (2009/2010) e vice-presidente (2011/2012).

Dentre os desafios a serem enfrentados no ano que vem, Sérgio Rosenthal destacou a necessidade de criar condições para que os advogados se adaptem, com segurança e tranquilidade, ao processo digital, bem como de manter a qualidade da prestação dos inúmeros serviços oferecidos aos associados. O novo presidente afirmou ainda que as campanhas "De olho no Fórum" e "Honorários não são gorjeta", criadas e desenvolvidas pela AASP nos últimos anos, serão intensificadas e assegurou que a Associação combaterá com firmeza qualquer sugestão de que a lei de lavagem de capitais possa ser interpretada no sentido que os advogados sejam obrigados a delatar seus próprios clientes.

Com quase 92 mil associados, a AASP é hoje a segunda maior entidade de advogados do mundo por adesão voluntária e, em 2013, completará 70 anos de atividades.

A nova diretoria é composta ainda pelos advogados Leonardo Sica, vice-presidente; Luiz Périssé Duarte Junior, primeiro secretário; Alberto Gosson Jorge Junior, segundo secretário; Fernando Brandão Whitaker, primeiro tesoureiro; Marcelo Vieira Von Adamek, segundo tesoureiro; e Luís Carlos Moro, diretor cultural.

Por: Redação do Migalhas

Atualizado em: 12/12/2012 14:16