domingo, 29 de novembro de 2020

MIGALHAS QUENTES

Publicidade

Poder Judiciário

24 novos candidatos são aprovados no concurso de ingresso na magistratura de SP

24 candidatos foram aprovados.

quinta-feira, 20 de dezembro de 2012

O TJ/SP divulgou nesta quarta-feira, 19, o resultado dos novos exames orais do "183º Concurso de Ingresso na Magistratura". Foram aprovados 24 candidatos, dos 102 que realizaram a prova oral. A sessão pública foi realizada no Palácio da Justiça.

A nova avaliação foi aplicada depois que o CNJ determinou que os candidatos, anteriormente reprovados pela banca examinadora do concurso original na quarta etapa, fossem submetidos a novas avaliações orais, diante de examinadores recém-nomeados. À época, a etapa foi impugnada por um dos candidatos que alegou irregularidades na entrevista pessoal realizada pelo TJ/SP e o Conselho reconheceu o direito à posse dos já aprovados, determinado a nova avaliação para os reprovados.

Os novos juízes são : Carolina Garcia Rosa Hispagnol, Christiene Avelar Barros Cobra, Felippe Rosa Pereira, Gisele Valle Monteiro da Rocha, Gustavo de Azevedo Marchi, Helena Furtado de Albuquerque Cavalcanti, João de Oliveira Rodrigues Filho, Jose Marques de Lacerda, Juliana Pires Zanatta Cherubim, Luiz Eduardo Camargo Outeiro Hernandes, Luiz Gustavo Rocha Malheiros, Marcela Dias de Abreu Pinto Coelho, Mariana Silva Rodrigues Dias, Marina Miranda Belotti, Paula Narimatu de Almeida, Rafael Dahne Strenger, Ricardo Cunha De Paula, Ricardo Truite Alves, Tais Helena Fiorini Barbosa, Thais Cristina Monteiro Costa Namba, Thania Pereira Teixeira de Carvalho, Vinicius Peretti Giongo, Walter De Oliveira Junior e Wellington Urbano Marinho

O presidente da Comissão do concurso, desembargador Geraldo Francisco Pinheiro Franco, conduziu os trabalhos. Ele afirmou que os 102 candidatos foram examinados em oito semanas, constatadas 23 ausências e 13 desistências. "Só quem chega a esta fase sabe a importância do concurso para a Magistratura. Todos são vitoriosos e um pensador já havia dito que 90% do sucesso decorre da insistência", disse o desembargador.

A banca examinadora foi composta também pelos desembargadores Manoel de Queiroz Pereira Calças, Otavio Henrique de Sousa Lima, Antonio Carlos Villen e o advogado Fernando Campos Scaff. Ainda sem data prevista, deve ocorrer a 5ª etapa do concurso, ocasião em que serão quantificados e qualificados os títulos dos aprovados.

Por: Redação do Migalhas

Atualizado em: 20/12/2012 08:49