sábado, 28 de novembro de 2020

MIGALHAS QUENTES

Publicidade

Júri

Mizael Bispo é condenado a 20 anos de prisão

Para o juiz, o réu demonstrou "insensibilidade" e conduta "desprezível e repugnante".

quinta-feira, 14 de março de 2013

O ex-PM e advogado Mizael Bispo foi condenado a 20 anos de prisão em regime inicial fechado pela morte de sua ex-namorada, a advogada Mércia Nakashima, em maio de 2010. A decisão é da vara do Júri da comarca de Guarulhos, após 4 dias de julgamento.

Na sentença, o juiz Leandro Bittencourt Cano afirma que o réu demonstrou "insensibilidade" e conduta "desprezível e repugnante". Segundo o magistrado, não se tratava de "amor", mas "delírio de posse".

Nesta quinta-feira, 14, último dia do júri, representantes de defesa e acusação falaram por cerca de 1 hora e meia. A promotoria, que tentou mostrar que Mizael mentiu no interrogatório, mostrou fotos e e-mails de Mércia, o que emocionou os jurados. A defesa, por sua vez, afirmou que os e-mails teriam sido editados, sem haver provas concretas contra o réu.

Por: Redação do Migalhas

Atualizado em: 14/3/2013 18:07