sexta-feira, 23 de outubro de 2020

MIGALHAS QUENTES

Publicidade

Falecimento

Falece o advogado Cláudio Antônio Mesquita Pereira

Advogado faleceu na noite desta terça-feira, 20.

terça-feira, 20 de agosto de 2013

Faleceu no início da noite desta terça-feira, 20, aos 89 anos, o advogado Cláudio Antônio Mesquita Pereira, sócio fundador do escritório Mesquita Pereira, Marcelino, Almeida, Esteves Advogados.

Formado pela Faculdade de Direito da USP em 1948, Mesquita Pereira presidiu o Instituto dos Advogados de São Paulo em duas oportunidades (1989/91 e 1995/97).

Foi, ainda, conselheiro e presidente da Comissão Permanente de Estágio e Exame da OAB - Secção São Paulo; membro do IAB; membro do Conselho Jurídico da Fiesp; professor-assistente da cadeira de Introdução ao Estudo do Direito da Faculdade de Direito do Vale do Paraíba e professor-assistente da cadeira de Direito Internacional Privado da Faculdade de Direito da USP.

Os sócios da banca e toda a equipe do escritório lamentam o falecimento desse grande nome do Direito brasileiro.

O velório será nesta quarta-feira, 8h, no Hospital Albert Einstein, em SP.

_________

Depoimentos

"A perda do Dr. Cláudio Antônio Mesquita Pereira é irreparável, mas ele deixa um legado fundamental do exemplo do advogado, que é corajoso, combatente e empreendedor. Uma estirpe que a sociedade cada vez mais se recente, um líder que formou diversas gerações de advogados e diante do Instituto dos Advogados de São Paulo, por duas vezes modificou a forma do Instituto trabalhar, a própria sede da instituição, aonde ela permanece até hoje. Sem dúvida nenhuma é um exemplo e o legado que ele deixa será seguido por inúmeras por outras gerações." José Horácio Halfeld Rezende Ribeiro, presidente do IASP

"Cláudio, além de um queridíssimo amigo, é uma referência para todos nós. A advocacia está em luto hoje. Um grande advogado, presidiu o IASP, foi conselheiro da Ordem, deu sua contribuição para a formação de uma advocacia mais forte, de uma justiça melhor uma sociedade mais fraterna. Por isso eu registro o enstristecimento da advocacia pela perda de um querido amigo." Marcos da Costa, presidente da OAB/SP

"A advocacia de São Paulo perde um dos seus líderes, mas os amigos perdem a oportunidade de conviver com um homem único. Cláudio Mesquita Pereira. por onde passou não passou em branco, porque marcou de forma única e inesquecível todas as pessoas que tiveram a oportunidade de serem tocadas por sua generosidade, sua grandeza e amizade. Eu tive a honra de conviver com ele durante 28 anos da minha vida e isso sem dúvida é uma lembrança que levarei para toda eternidade." Euclides de Oliveira, advogado de São Paulo

"Amigos do IASP, ele se formou quando eu entrei na faculdade e sempre mantive contato com ele. Cláudio era um advogado e excepcional e a vida dele foi toda dedicada à profissão e família. Sempre foi um exemplo de um profissional correto, trabalhador e culto. No IASP eu fui presidente e ele me sucedeu, mas na verdade ele foi o meu cabo eleitoral. Estivemos juntos também por alguns mandatos no Conselho da OAB/SP e eu só posso falar bem do amigo Cláudio e do colega Cláudio." Eduardo Carvalho Tess, ex-presidente do IASP

"Nós perdemos no escritório um grande amigo, mas acredito que a advocacia e a humanidade perdeu um homem dotado de condições absolutamente excepcionais , poucas vezes comparáveis. Um homem que tinha grandeza em tudo que pensava e fazia. Conheci poucas pessoas com a grandeza do Dr. Cláudio, que colocava essa grandeza nos pequenos e grande detalhes isso faz a diferença. Nós perdemos realmente um homem que será para nós, sempre uma personalidade de referência." Antônio de Almeida e Silva, sócio do escritório Mesquita Pereira, Marcelino, Almeida, Esteves Advogados

"Eu perdi o meu segundo pai, o primeiro pai a nível jurídico e o segundo pai biológico. Eu entrei no escritório com 20 anos e tivemos 35 anos de convivência. Uma pessoa integra e um advogado como poucos que se vê hoje. Ele deixou para todos nós uma grande lição de vida." Paulo Roberto Esteves, sócio do escritório Mesquita Pereira, Marcelino, Almeida, Esteves Advogados

"Ele foi o melhor homem que eu conheci na vida. A bondade em pessoa e digo isso para os meus filhos, que precisamos seguir o padrão de vida dele, que é um exemplo que temos que seguir em todos os sentidos." Frederico Mariano, genro do Dr. Cláudio

"Trabalhei como diretor do grupo Tatuzinho e levava o Dr. Cláudio todos os meses para as reuniões mensais da empresa lá em Piracicaba, porque ele era o diretor jurídico. E eu esperava ele todas às vezes na porta de casa de madrugada e fizemos isso durante 20 anos. Ele foi o padrinho da minha empresa, o conheço ha uns 40 anos e isso tudo me faz ter muita consideração pelo Dr. Cláudio. Ele foi sempre uma pessoa muito amável, respeitosa, mas agora ele se foi." Joaquim dos Santos, amigo do Dr. Cláudio

"Minha vida com ele começou a partir dos nove anos de idade. Foram 62 anos de aprendizado, de um amor muito grande por um homem extraordinário e transformou um ninguém em alguma coisa. Me deu educação, posição e fez tudo que um pai faz para um filho. E como eu me sinto um filho, hoje eu estou me preparando para no futuro encontrá-lo onde ele estiver. Esse homem extraordinário que marcou a minha vida e marcou a vida do nosso escritório, que Deus o tenha" George Washington T. Marcelino, filho e sócio do escritório Mesquita Pereira, Marcelino, Almeida, Esteves Advogados

"Estamos aqui para fazer o nosso reconhecimento ao grande advogado Cláudio Antônio Mesquita Pereira, ex- conselheiro da OAB, ex - presidente do IASP, um homem de bem, correto, aquele que sempre foi colega e amigo de todos. Aqui a nossa homenagem a ele e que Deus o tenha acolhido, porque é merecedor de toda acolhida da parte de Deus." Tallulah Kobayashi de A. Carvalho, diretora da OAB/SP

"Na segunda gestão do Dr. Cláudio Antonio Mesquita Pereira à testa do IASP, 1995/1997, tivemos a honra de integrar a Diretoria daquele Sodalício na condição de 1º secretário. Foi uma gestão renovadora, pujante e atuante. Com seu apoio decisivo implantamos o Curso de Direito Tributário que sob nossa coordenação prosseguiu durante as administrações posteriores com a participação gratuita dos maiores nomes do Direito Tributário conhecidos no Brasil. O Dr. Mesquita era um lutador, entusiasta e corajoso como deve ser o advogado. Nada o impedia de se manifestar publicamente contra as coisas erradas que aconteciam no meio jurídico seja quem for a autoridade responsável por esses erros. Saudades dos velhos tempos e do velho amigo e companheiro de tantas lutas!" Kiyoshi Harada, ex-1º secretário do IASP e sócio do escritório Harada Advogados Associados

Por: Redação do Migalhas

Atualizado em: 20/8/2013 22:29