quinta-feira, 25 de fevereiro de 2021

MIGALHAS QUENTES

Publicidade

Votação

81,28% dos procuradores querem a recondução de Janot

Lista será entregue à presidente Dilma.

quarta-feira, 5 de agosto de 2015

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, foi o candidato mais bem votado da eleição realizada hoje pela ANPR - Associação Nacional dos Procuradores da República. Ele obteve 799 votos.

No total, 983 procuradores votaram. Em segundo lugar ficou a subprocuradora Raquel Dodge, com 462 votos; em seguida, o subprocurador Mario Bonsaglia, que obteve 402 votos. O subprocurador Carlos Frederico ficou em quarto lugar, com 217, e portanto, fora da lista tríplice que será encaminhada à presidente da República.

A eleição ocorreu nas procuradorias regionais dos Estados e, em Brasília, na própria Procuradoria-Geral da República. Os 1.240 integrantes do MPF participaram da votação.

Sem falar na Operação Lava Jato, Janot, que se tornou o centro das atenções durante seu mandato, disse que a função "não permite um segundo só de contemplação". O subprocurador Mario Bonsaglia garantiu que as investigações de políticos terão "plena continuidade" se for escolhido procurador-geral da República. Já a subprocuradora Raquel Dodge elogiou a condução da Lava Jato por Janot. Segundo ela, a investigação tem sido conduzida "com muito zelo e denodo". Principal opositor de Janot, o subprocurador Carlos Frederico Santos disse que a operação precisa de "novos contornos". Janot voltou a dizer que não levou em consideração "questões políticas" na Lava Jato.

Por: Redação do Migalhas

Atualizado em: 5/8/2015 19:23

LEIA MAIS