quinta-feira, 3 de dezembro de 2020

MIGALHAS QUENTES

Publicidade

Novo membro

Marcelo Navarro é nomeado ministro do STJ

O decreto foi publicado nesta quarta-feira no DOU.

quarta-feira, 9 de setembro de 2015

A presidente Dilma Rousseff nomeou nesta terça-feira, 8, o desembargador Marcelo Navarro, do TRF da 5ª região, para o cargo de ministro do STJ. A vaga é decorrente da aposentadoria do Ministro Ari Pargendler. O decreto foi publicado nesta quarta-feira, 9, no DOU.

Nascido em Nata/RN, em 20 de janeiro de 1963. Marcelo Navarro graduou-se em Direito pela UFRN, vestibular para o qual passou em primeiro lugar. Militou como advogado, foi procurador e chefe do setor Jurídico do SESI/RN (Serviço Social da Indústria), promotor de Justiça do MP/RN, procurador-Geral da Assembleia Legislativa do RN, procurador da República, presidente do Conselho Penitenciário do RN, procurador eleitoral junto ao Juízo Auxiliar do TRE/RN (eleições de 1998), procurador-regional eleitoral substituto e procurador-chefe da Procuradoria da República no Rio Grande do Norte.

Em nove meses, Marcelo Navarro saiu da posição de procurador mais votado para integrar a lista sêxtupla do MPF para a de desembargador nomeado pelo então Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva. Em 2003, ele tomou posse como desembargador Federal.

Em paralelo às atividades profissionais, o desembargador fez mestrado e doutorado em direito, na PUC de São Paulo. É professor de direito na UFRN, concurso no qual ficou em primeiro lugar. Também é professor na pós-graduação da UNI-RN.

Por: Redação do Migalhas

Atualizado em: 9/9/2015 08:01