quarta-feira, 21 de outubro de 2020

MIGALHAS QUENTES

Publicidade

Solução de conflitos

Conciliação encerra briga de família que se arrastou por 17 anos

Para juíza, tratativas foram prósperas e resultaram no restabelecimento da comunicação entre irmãos.

domingo, 10 de dezembro de 2017

Um processo de inventário que se arrastou por 17 anos na Justiça terminou com um acordo por meio de audiência de conciliação, realizada na 1ª vara Especializada de Família e Sucessões de Cuiabá/MT, no último dia 30. O processo era referente ao espólio da matriarca da família.

De acordo com o TJ, antes do início da audiência, as partes se recusavam a estar no mesmo ambiente. Ao final da conciliação, as mesmas pessoas estavam conversando e convencidas a buscar uma solução.

O acordo ainda não pode ser homologado, pois o inventário do pai já compõe outro processo que tramita há mais tempo, e por isso foi remetido à 2ª vara de Família e Sucessões. Mas, para a juíza Angela Gimenez, que conduziu a audiência, o objetivo foi alcançado - as tratativas foram prósperas e resultaram no restabelecimento da comunicação entre os irmãos. "Muitas vezes, o que está em voga não é o objeto do processo, mas toda uma história de vida com afetos e desafetos", pontuou a magistrada.

Na opinião do coordenador da Vamos Conciliar Pedro Samaroine, processos como este mostram que a conciliação possibilita não somente a solução de um conflito com determinação de valores, como também traz vantagens promovendo a manutenção e resgatando o relacionamento entre as partes. "Conciliar é um caminho para a Justiça plena, com soluções para questões jurídicas e suas implicações sociais e emocionais dos envolvidos."

____________________


Por: Redação do Migalhas

Atualizado em: 8/12/2017 12:26