terça-feira, 24 de novembro de 2020

MIGALHAS QUENTES

Publicidade

Segurança

Por risco de rompimento de barragem, prazos e expediente são suspensos em Barão de Cocais/MG

Estrutura da Vale teve risco de rompimento elevado para nível três.

terça-feira, 26 de março de 2019

A juíza de Direito Renata Nascimento Borges suspendeu o expediente forense e os prazos processuais no fórum da comarca de Barão de Cocais/MG até esta quarta-feira, 27. A suspensão se deu em virtude do risco de rompimento da barragem de rejeitos da Vale na Mina Gongo Soco, a 10 quilômetros da cidade.

A estrutura teve risco de rompimento aumentado para o nível três, sendo iminente a possibilidade de ruptura.

t

Em virtude da elevação do nível de risco da barragem, a juíza expediu a portaria 2/19, interrompendo o expediente e os prazos no Fórum Omar Avelino Soares entre os dias 25 e 27 de março. Assim, os prazos processuais voltam a correr no próximo dia útil, 28.

"A evacuação do local visa preservar a integridade física dos servidores e jurisdicionados, bem como a evitar a destruição do acervo da Comarca", afirma a juíza.

Também ficam suspensas as audiências designadas para esses dias na comarca, as quais serão remarcadas posteriormente.

As medidas urgentes serão atendidas pela magistrada na comarca de Santa Bárbara.

Confira a íntegra da portaria 2/19.

Por: Redação do Migalhas

Atualizado em: 26/3/2019 08:34

LEIA MAIS