quinta-feira, 4 de março de 2021

MIGALHAS QUENTES

Publicidade

Difamação

Em nova ação, Doria acusa senador Kajuru de injúria e difamação

Governador apresentou queixa-crime contra ofensas publicadas pelo parlamentar em redes sociais.

quinta-feira, 26 de setembro de 2019

O governador do Estado de São Paulo, João Doria, apresentou nova queixa-crime contra o senador Jorge Kajuru. No documento, o parlamentar é acusado de cometer 27 crimes referentes a calúnia, difamação e injúria.

Em abril deste ano, Doria ajuizou ação contra o senador por ter o difamado em uma entrevista à revista Veja. 

t

Na ação, Doria afirma que vem sendo insultado pelo senador em posts de redes sociais, sendo chamado de "sujo", "mentiroso", "picareta social", "falso", "gângster anti Brasil" "malandro", "lixo não reciclável", "bandido", "canalha", "ingrato" e "vigarista. Kajuru também teria sugerido, em publicações, que o governador comandaria uma "quadrilha dos Detrans".

De acordo com a queixa-crime, o parlamentar "aproveita de seu maior prestígio e visibilidade na mídia enquanto Senador para, dolosamente, ofender a honra objetiva e subjetiva" de João Doria. A defesa do governador também pontua que tais declarações de Kajuru "extrapolam a sua função política" como senador, e não podem estar relacionadas a "atividade legislativa vinculada ao cargo exercido".

Segundo o documento, Kajuru tem clara intenção de ofender o governador ao proferir uma série de calúnias.

"Diante desse panorama, é inegável que tais alegações atacam frontalmente a honra, bom nome e imagem que João Doria Júnior arduamente construiu ao longo de sua trajetória. Os crimes de calúnia, difamação e injúria perpetrados em seu desfavor se encontram perfeitamente configurados, sendo a adequação típica inegável"

O governador João Doria é patrocinado na causa pelo advogado Fernando José da Costa, do escritório Fernando José da Costa Advogados.

Veja a íntegra da queixa-crime.

_____________

t

Por: Redação do Migalhas

Atualizado em: 26/9/2019 08:16

LEIA MAIS