segunda-feira, 30 de novembro de 2020

MIGALHAS QUENTES

Publicidade

Pandemia

URGENTE: Bolsonaro demite Mandetta da Saúde; oncologista Nelson Teich assumirá cargo

Anúncio foi feito pelo próprio ex-deputado, no Twitter.

quinta-feira, 16 de abril de 2020

t

Luiz Henrique Mandetta anunciou na tarde desta quinta-feira, 16, a sua saída do ministério da Saúde. A notícia foi dada no perfil pessoal do ex-deputado Federal. A exoneração saiu em edição extra no DOU (ver abaixo).

"Acabo de ouvir do presidente Jair Bolsonaro o aviso da minha demissão do Ministério da Saúde. Quero agradecer a oportunidade que me foi dada, de ser gerente do nosso SUS, de pôr de pé o projeto de melhoria da saúde dos brasileiros e de planejar o enfrentamento da pandemia do coronavírus, o grande desafio que o nosso sistema de saúde está por enfrentar."

t

Em coletiva de imprensa dada direto do ministério, Mandetta afirmou que deixa o ministério "com muita gratidão ao presidnte por ter me nomeado e deixado nomear servidores.

"Deixo o ministério, mas sei que deixo a melhor equipe. Trabalhem para o próximo ministo tal qual trabalharam para mim. Ajudem, não meçam esforços. Lutamos um bom combate. Ministros passam, o que fica é o trabalho do servidor do ministério da Saúde."

Já Bolsonaro, em pronunciamento oficial, disse que a saíde de Mandetta foi "um divórcio consensual". Afirmou ainda que a saúde está acima de ambos e que, "quando falamos em saúde, não podemos deixar de falar em emprego".

Luiz Henrique Mandetta comandava o ministério da Saúde desde o início do governo Bolsonaro, em janeiro de 2019. Mas há semanas que o presidente Jair Bolsonaro têm se manifestado (e atuado) em desecardo com as orientações dadas pelo ministério quanto ao enfrentamento da pandemia do coronavírus.

Em pronunciamento para todo o país, defendeu que autoridades estaduais e municipais abandonem o "conceito de terra arrasada", com proibição de transportes, comercio fechado e confinamento em massa: "O que se passa no mundo tem mostrado que o grupo de risco é de pessoas acima de 60 anos. Então, por que fechar escolas?".

O oncologista Nelson Teich se reuniu de manhã com Bolsonaro, e assumirá a pasta. Bolsonaro afirmou na coletiva de imprensa nesta quinta-feira, 16:

"Conversei com o dr. Nelson que gradativamente temos que abrir o emprego no Brasil. Governo não tem como manter este auxílio emergencial ou outras ações por muito tempo. Já se gastou aproximadamente R$ 600 bi e podemos chegar a R$ 1 tri. Sei que a vida não tem preço, mas a economia, o emprego, tem que voltar à normalidade."

Nesta quinta-feira, 16, o Brasil registra mais de 30,4 mil infectados pela covid-19 - e já ocorreram 1.924 mortes.

 

 

________________

DECRETOS DE 16 DE ABRIL DE 2020

O PRESIDENTE DA REPÚBLICA, no uso da atribuição que lhe confere o art. 84,caput, inciso I, da Constituição, resolve:

EXONERAR

LUIZ HENRIQUE MANDETTA do cargo de Ministro de Estado da Saúde.

Brasília, 16 de abril de 2020; 199º da Independência e 132º da República.

JAIR MESSIAS BOLSONARO

O PRESIDENTE DA REPÚBLICA, no uso da atribuição que lhe confere o art. 84,caput, inciso I, da Constituição, resolve:

NOMEAR

NELSON LUIZ SPERLE TEICH, para exercer o cargo de Ministro de Estado da Saúde.

Brasília, 16 de abril de 2020; 199º da Independência e 132º da República.

JAIR MESSIAS BOLSONARO

____________

Para que o leitor encontre as notícias jurídicas específicas sobre coronavírus, reunimos todo o material em um site especial, constantemente atualizado. Acesse: www.migalhas.com.br/coronavirus

t

Por: Redação do Migalhas

Atualizado em: 16/4/2020 18:16