quarta-feira, 2 de dezembro de 2020

MIGALHAS QUENTES

Publicidade

Denuncia

MPF denuncia Sara Giromini por injúria e ameaça contra o ministro Alexandre de Moraes

Após busca e apreensão da PF, a bolsonarista divulgou em suas redes sociais vídeos onde proferia xingamentos e ameaças ao ministro.

quarta-feira, 17 de junho de 2020

O MPF denunciou, nesta terça-feira, 16, Sara Giromini, conhecida como "Sara Winter", por injúrias e ameaças ao ministro Alexandre de Moraes, do STF. Após busca e apreensão da PF, a bolsonarista divulgou em suas redes sociais vídeos no qual proferia xingamentos e ameaças ao ministro.

Em um dos vídeos, Sara lamentou que o ministro reside em São Paulo, "porque se estivesse aqui eu já estava lá na porta da casa dele, convidando ele para trocar soco comigo". A ativista ainda xingou Moraes com palavrões e ameaçou: "A gente vai descobrir os lugares que o senhor frequenta. A gente vai descobrir quem são as empregadas domésticas que trabalham para o senhor. A gente vai descobrir tudo da sua vida. Até o senhor pedir para sair".

Na denúncia, o MPF ressaltou que Sara atingiu a dignidade e decoro do ministro, utilizando de meio (redes sociais) que facilitou a divulgação das injúrias, bem como ameaçou o ofendido de lhe causar mal injusto e grave.

"Nesse mesmo dia, mas agora através de um registro difundido no Twitter, a acusada voltou a atacar o Ministro ao convocar apoiadores para que protestassem em frente a sua residência."

Assim, o MPF requereu o recebimento da denúncia, a citação da acusada para apresentar a defesa e que seja a denunciada condenada a reparar os danos morais causados ao ofendido no valor mínimo de R$ 10 mil.

Veja a denúncia.

Por: Redação do Migalhas

Atualizado em: 17/6/2020 14:17