sábado, 23 de janeiro de 2021

MIGALHAS QUENTES

Publicidade

Falecimento

Morre o professor Antonio Carlos de Araújo Cintra

Processualista faleceu aos 86 anos.

quarta-feira, 9 de dezembro de 2020

Faleceu aos 86 anos, na madrugada desta quarta-feira, 9, o professor Antonio Carlos de Araújo Cintra, da Faculdade de Direito da USP. Era graduado pelas Arcadas, tendo colado grau em janeiro de 1957.

Antonio Carlos de Araújo Cintra

A pedido do professor o velório e a cremação foram rápidos e somente com a família mais próxima.

Antonio Carlos de Araújo Cintra era advogado, doutor e livre docente em Direito Processual pela USP. Era membro honorário do Instituto Brasileiro de Direito Processual e desembargador aposentado do TJ/SP.

Foi coautor de Teoria Geral do Processo, com Ada Pellegrini Grinover e Cândido Rangel Dinamarco.

O ministro do STF Dias Toffoli lamentou a morte de Cintra, ressaltando o ótimo professor e amigo que era. "Eu ainda hoje me lembro de cabeça das lições dele, não só de Direito, mas das lições de vida. Uma pessoa simples, uma pessoa objetiva, que conseguia transformar as aulas de processo em algo muito fácil de se aprender, e muito amigo dos estudante", disse.

____________

"A morte do advogado, professor e juiz Antônio Carlos de Araújo Cintra deixa um grande vazio e gera uma grande tristeza no mundo jurídico. Iniciei minha carreira no escritório Moura Teixeira Gouveia e Silva sob sua batuta, após te-lo como professor nas Arcadas. E que batuta! Concomitantemente com a advocacia foi professor de Processo Civil e também Administrativo. Desligou-se da advocacia para se tornar juiz do Tribunal de Alçada Criminal, posteriormente do Alçada Civil, e finalmente desembargador do Tribunal de Justiça de São Paulo. Voltou a advocacia como consultor em TozziniFreire Advogados. O advogado de maior bagagem jurídica que eu conheci. Eclético. Conhecia muito dos vários ramos do Direito. Conhecimento profundo, não enciclopédico. A isto acrescentou a experiência na magistratura. Pessoa maravilhosa foi para mim um grande amigo e paradigma. Hoje é um dia muito triste!" José Luis de Salles Freire (TozziniFreire Advogados)

"O querido Professor Antonio Carlos de Araújo Cintra, da Faculdade de Direito da USP, marcou inúmeras gerações de estudantes do Largo de São Francisco. Um mestre notável! Estudamos muito em sua obra "Teoria Geral do Processo", em coautoria com Ada Pellegrini Grinover e Cândido Rangel Dinamarco. Grande admiração por ele, paradigma do ensino jurídico nas Arcadas, que seguirá a nos inspirar sempre!" Otavio Pinto Silva (Advogado e Professor da Faculdade de Direito da USP)

"Antonio Carlos, mui querido calouro e amigo. Lá se vai neste turbilhão de delírios para o mundo dos bons, dos gentis, dos verdadeiros de coração e alma! Vá! Encontre os colegas e amigos e professores que nos moldaram! Que Deus, sempre misericordioso, o receba e o guarde ao lado, porque, como você, aqui, agora, se foram poucos!" Jayme Vita Roso

 

 

Publicidade

Por: Redação do Migalhas

Atualizado em: 10/12/2020 18:22