quinta-feira, 25 de fevereiro de 2021

MIGALHAS QUENTES

Publicidade

Pandemia

"Nenhum compatriota pode morrer por falta de ar", afirma Luiz Fux

Ministros se manifestaram sobre a crise sanitária em Manaus.

sábado, 16 de janeiro de 2021

(Imagem: Rosinei Coutinho/STF)

(Imagem: Rosinei Coutinho/STF)

O presidente do STF e do CNJ, ministro Luiz Fux, telefonou nesta sexta-feira, 15, para o governador do Amazonas Wilson Lima, para prestar solidariedade em razão da situação dramática enfrentada no Estado pela pandemia de covid-19.

Fux informou ao governador que o STF está atento aos acontecimentos e se colocou à disposição para auxílio no âmbito das competências do Judiciário.

Na avaliação do presidente do STF, o Brasil precisa ouvir o grito de socorro do Amazonas.

"Em nosso país nenhum compatriota pode morrer por falta de ar. O Amazonas pede socorro e o Brasil tem de ouvir esse grito. A sociedade civil e os poderes constituídos devem se unir para juntos enfrentarem essa emergência."

Em seu perfil pessoal no Twitter, o ministro Luís Roberto Barroso também prestou solidariedade aos cidadãos do Amazonas, "que sofrem com a situação crítica no sistema de saúde, com a falta de leitos e de oxigênio".

"É preciso neste momento a união de todos, quem pensa igual e quem pensa diferente, para conseguirmos o mais importante: salvar vidas."

Publicidade

t

Por: Redação do Migalhas

Atualizado em: 16/1/2021 07:30

LEIA MAIS