domingo, 17 de janeiro de 2021

MIGALHAS QUENTES

Publicidade

Resultado do sorteio de obra "Família, Separação e Mediação - uma visão psicojurídica"

terça-feira, 24 de julho de 2007


Sorteio de obra

Migalhas tem a honra de sortear a obra "Família, Separação e Mediação - uma visão psicojurídica" (270 p.) escrita por Verônica A. da Motta Cezar-Ferreira e gentilmente cedido pela Editora Método.

Sobre a obra:

"Família, família, papai, mamãe, titia, família, família almoça junto todo dia, nunca perde essa mania...", já dizia o grupo Titãs.

No princípio era assim, mas o conceito de família mudou.

Hoje as famílias que se separam são vítimas do jogo insensato ou do macabro circo de miséria humana mal resolvida. Não basta terminar o relacionamento, tem que começar uma guerra.

Homens e mulheres em explosões de ódio e inacabáveis disputas por patrimônio ou guarda de filhos. São também os filhos menores colocados no epicentro da disputa paterna, como se fossem meros objetos numa relação de forçada convivência. Este é o cenário típico de casais no término da relação.

Mas Hélio Quaglia Barbosa, Ministro do STJ, afirma que, "existe ex-casais, ex-cônjuges, ex-amorosos até, não haverá jamais, pela graça de Deus, ex-pais, ex-mães, muito menos ex-filhos".

E é nisso que a autora se apega, no desejo de que casais que se separam possam encontrar, enquanto pais, um ponto de intersecção: o amor pelos filhos.

Esta 2.ª edição da obra reforça a idéia de que o contato dos filhos com ambos os pais, após a separação, mais do que um direito é uma necessidade, de modo que nenhum familiar ou profissional envolvido no conflito pode eximir-se da responsabilidade de colaborar para a resolução do mesmo.

Litígios sempre existirão, mas quem sabe se com a nova mentalidade a respeito do bem-estar dos menores, filhos dos separados, e com os novos instrumentos de ajuda, não irão diminuir em intensidade e número?

Sobre a autora:

Verônica A. da Motta Cezar-Ferreira, advogada, bacharelada pela Universidade de São Paulo. Psicóloga, Mestre em Psicologia Clínica pela Pontifica Universidade Católica de São Paulo, com o tema Interdisciplinaridade Psicojurídica nas Separações. Especialista em Terapia Familiar e em Psicoterapia Psicodinâmica. Formação psicanalítica e sistêmica. Psicoterapeuta individual, terapeuta, perita, mediadora e consultora de Família. Sócia fundadora da Associação Paulista de Terapia Familiar e da Associação Brasileira de Terapia Familiar e Presidente do CEFASP - Centro de Estudos da Família de São Paulo.

_____________

 Resultado:

  • Lucimara Caires Moraes, estudante de direito, de Apucarana/PR

_____________

Por: Redação do Migalhas

Atualizado em: 17/7/2007 11:04