O que saiu em Migalhas sobre Jorge Zahar Ed

O que saiu em Migalhas sobre Jorge Zahar Ed

/depeso
quinta-feira, 25/6/2020

Relação médico/paciente e o problema da autonomia

Entendemos desenvolver o significado de autonomia (do grego autos, próprio, e nomos, regra, norma) como dar-se leis a si próprio e o problema da convivência e realidades da vida humana.

... Filosofia. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Ed., 1997. CORTINA, Adela; MARTÍNEZ, Emilio. Ética. São Paulo: Edições Loyola, 2005. DINIZ, Maria Helena. O estado atual do Biodireito. São Paulo: Saraiva, 2001. FEIJÓ COIMBRA, J. R. Direito Previdenciário...
/depeso
domingo, 9/9/2018

O vulnerável e o Direito Penal

Todo indivíduo tem sua vulnerabilidade intrínseca, originária, criada pela sua própria insegurança ou pelos conflitos sociais geradores de tantos problemas que afetam a mente, em razão da evolução natural das pessoas.

...Gradel. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Ed., 2009, pág. 22. _____________ *Eudes Quintino de Oliveira Júnior é promotor de justiça aposentado/SP, mestre em direito público, pós-doutorado em ciências da saúde, reitor da...
/depeso
quarta-feira, 25/5/2016

Sonho interrompido

Jeferson Matias Ubiali tem 34 anos. Em 2012, após ter progredido para o regime semiaberto, ingressou na Faculdade de Direito. Já cursando o 7º período, entretanto, teve seu "sonho interrompido" e foi obrigado a retornar ao cárcere.

...Cabral. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Ed., 1997, p.266.) Segundo BRUNO, "Kant e Hegel, contribuíram decisivamente para a propagação de teorias absolutas, e os seus argumentos têm sido repetidamente utilizados para a sua...
/depeso
segunda-feira, 24/8/2015

Um pouco de história... e de resistência civil!

Poderia o indivíduo opor-se a um estado tributário e arbitrário, em que os fins justificam os meios?

Poderia o indivíduo opor-se a um estado tributário e arbitrário, em que os fins justificam os meios?
/depeso
quarta-feira, 6/4/2011

Ensaio sobre o monitoramento eletrônico (lei 12.258/10)

Luís Carlos Valois

Em poucas palavras o que pretendeu o legislador ao introduzir este novo mecanismo no arsenal punitivo foi alongar os braços do cárcere. Ao prever o instrumento eletrônico como monitorador das saídas temporárias dos presos em regime semiaber...

...esclarecimento. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Ed., 1985. CASTRO, Lola Aniyar de. Matar com a prisão, o paraíso legal e o inferno carcerário: os estabelecimentos "concordes, seguros e capazes". In: Depois do grande...
Não há mais resultados para serem exibidos.