O que saiu em Migalhas sobre Juizado Especial Civel De Anapolis

O que saiu em Migalhas sobre Juizado Especial Civel De Anapolis

/quentes
quinta-feira, 24/11/2016

Consumidora não comprova nome positivado e acaba condenada por litigância de má-fe

Mulher ajuizou ação contra a Telefônica pleiteando exclusão no cadastro de proteção ao crédito e indenização por danos morais.

...Maria Lúcia Fonseca, do 4º Juizado Especial Cível de Anápolis/GO, extinguiu processo de uma consumidora contra a Telefônica - Vivo em que pleiteava declaração de inexistência de débito e indenização por danos morais. Além...
/amanhecidas
segunda-feira, 17/11/2014

MIGALHAS nº 3.497

Informações jurídicas de segunda-feira, 17 de novembro de 2014.

...Araújo Camapum Ribeiro, do 3º Juizado Especial Cível de Anápolis/GO. (Clique aqui) Honorários advocatícios O Estado de SP foi condenado a pagar honorários para um advogado que atuou como defensor dativo de duas...
/quentes
domingo, 16/11/2014

TIM indenizará advogado ofendido por atendente de call center

Após xingá-lo por se recusar a atender ligação, funcionária bloqueou a linha do cliente.

...Araújo Camapum Ribeiro, do 3º Juizado Especial Cível de Anápolis/GO. De acordo com os autos, o cliente, que atua como advogado, estava atendendo em seu escritório quando recebeu uma chamada da TIM. Ele atendeu e a pessoa...
/quentes
segunda-feira, 22/9/2014

Universidade indenizará formando impedido de fotografar sua colação de grau

Instituição contratou empresa terceirizada para tirar as fotos sem anuência dos alunos.

...Direito Luciana Camapum, do 3º Juizado Especial Cível de Anápolis/GO. Exclusividade O autor, que se formou em Recursos Humanos na instituição, conta na inicial que a colação de grau unificada não teve custos aos...
/quentes
quinta-feira, 28/8/2014

Banco é condenado por substituir nome de cliente por termo homofóbico

Cliente também foi chamado diversas vezes de senhora, mesmo com o nome masculino no sistema.

...de Araújo Camapum, do 3º Juizado Especial Cível de Anápolis/GO, condenou o banco Itaurcard a indenizar em R$ 27.120, por danos morais, um cliente que recebeu o cartão com o nome substituído pelo xingamento homofóbico...
/quentes
terça-feira, 2/10/2007

Em GO, juiz reconhece litigância de má-fé e condena advogado ao pagamento das custas, despesas e honorários advocatícios

Gratis... Em GO, juiz reconhece litigancia de ma-fe e condena advogado ao pagamento das custas, despesas e honorarios advocaticios Reconhecendo a litigancia de ma-fe na propositura da acao, o juiz Aldo Guilherme...

Gratis... Em GO, juiz reconhece litigancia de ma-fe e condena advogado ao pagamento das custas, despesas e honorarios advocaticios Reconhecendo a litigancia de ma-fe na propositura da acao, o juiz Aldo Guilherme...
Não há mais resultados para serem exibidos.