O que saiu em Migalhas sobre Julio Nogueira
Migalhas

O que saiu em Migalhas sobre Julio Nogueira

/coluna/gramatigalhas
quarta-feira, 13/1/2021

Etc. – Vírgula anterior é obrigatória ou optativa?

Etc. – Vírgula anterior é obrigatória ou optativa? O professor responde.

...e alguns autores – como Júlio Nogueira e Luiz Autuori – o empregarem como sinônimo de outros ou de outrem, não é possível tal uso na literatura jurídica; b) é hábito internacional fazer preceder de vírgula tal abreviatura, apesar de repugnar a pontuação...
Etc. – Vírgula anterior é obrigatória ou optativa?
/coluna/gramatigalhas
quarta-feira, 13/12/2017

Obrigado – Meu muito obrigada?

Obrigado – Meu muito obrigada? O professor esclarece o termo.

... Acrescente-se a lição de Júlio Nogueira quanto ao equívoco normalmente cometido com tal vocábulo: "É incorreção peculiar ao belo sexo. Uma senhora não deve dizer, como forma de agradecimento: Obrigado!, mas...
Obrigado – Meu muito obrigada?
/coluna/gramatigalhas
quarta-feira, 2/9/2015

A fazer – Está correto?

A fazer – Está correto? O Professor esclarece a dúvida.

... coisa que extrair".10) Júlio Nogueira também se posta contra o uso de expressões como "Tenho muitas coisas a fazer"; e preconiza o uso da preposição que: "Tenho muitas coisas que fazer".11) Sem se posicionar,...
A fazer – Está correto?
/coluna/gramatigalhas
quarta-feira, 19/8/2015

Resultar provado – Está correto?

Resultar provado – Está correto? O Professor esclarece a dúvida.

Resultar provado – Está correto? O Professor esclarece a dúvida.
Resultar provado – Está correto?
/coluna/gramatigalhas
quarta-feira, 22/7/2015

Vimos... ou Viemos...?

Qual é a forma correta: "Vimos à sua presença" ou "Viemos à sua presença"?

...presente do indicativo, Júlio Nogueira a atribui à "falta de uso" da forma correta.2 6) Conta o anedotário político que Jânio Quadros - conhecido por seu vernáculo escorreito - quando prefeito de São Paulo, recebeu uma...
Vimos... ou Viemos...?
/coluna/gramatigalhas
quarta-feira, 3/12/2014

Todo ou Todo o?

Todo ou Todo o? O Professor esclarece a dúvida.

...preciosa síntese e acréscimo de Júlio Nogueira: "Na linguagem do Brasil, faz-se judiciosa distinção. Todo o diz-se quando equivale a inteiro, na totalidade, completamente... Na acepção de qualquer não se usa o artigo". E...
Todo ou Todo o?
/coluna/gramatigalhas
quarta-feira, 8/10/2014

Com nós – Existe?

Com nós – Existe? O Professor esclarece a dúvida.

...submeter-se à aglutinação, Júlio Nogueira acrescenta ambos: com nós ambos, e não conosco ambos. 4) Esses vocábulos que acarretam a mencionada aglutinação são denominados por Luiz Antônio Sacconi "palavras...
Com nós – Existe?
/coluna/gramatigalhas
quarta-feira, 4/6/2014

Cada

Cada. O Professor esclarece as formas corretas de utilizar o pronome.

...frangos a dois reais cada". 9) Para Júlio Nogueira, seu uso é galicismo "no fim da frase, com elipse de outra palavra: a Cr$ 5,00 cada (par, unidade, metro etc.). É a tradução do chaque, já errôneo em francês, nessa...
Cada
/coluna/gramatigalhas
quarta-feira, 12/3/2014

Para compor ou Para comporem?

Para compor ou Para comporem ? O Professor esclarece a dúvida.

...deixam de ter suporte no que Júlio Nogueira disse com muita propriedade: "Além das sumárias indicações..., difícil será estabelecer regras seguras. É este um dos assuntos que têm dividido os competentes na matéria, dando...
Para compor ou Para comporem?
/coluna/gramatigalhas
quarta-feira, 21/8/2013

Meio-dia e meia ou Meio-dia e meio?

Meio-dia e meia ou Meio-dia e meio? O Professor esclarece a dúvida.

...esteira, observando que Júlio Nogueira transige com o uso da maioria, aprovando meio-dia e meio, Sousa e Silva adverte, mesmo assim, tratar-se de erro vulgar, anotando, esperançosamente, que "não nos parece difícil a...
Meio-dia e meia ou Meio-dia e meio?
/coluna/gramatigalhas
quarta-feira, 5/6/2013

Havia dado é cacófato?

Havia dado é cacófato ? O Professor esclarece a dúvida.

...torpe".35) No ensino de Júlio Nogueira, "é a formação ocasional de palavras ridículas ou pouco decentes pelo encontro de sílabas finais de uma com o começo de outra: ela trina já que tinhas, alma minha, já sinto nunca pus,...
Havia dado é cacófato?
/coluna/gramatigalhas
quarta-feira, 28/4/2010

Nomes próprios plurais

Nomes próprios plurais 1) Há determinados nomes próprios que sempre se apresentam na forma plural: Alpes, Andes, Estados Unidos, Lusíadas, Sertões, Vassouras. 2) Tais substantivos trazem problemas de concordância verbal, e três obse...

Nomes próprios plurais 1) Há determinados nomes próprios que sempre se apresentam na forma plural: Alpes, Andes, Estados Unidos, Lusíadas, Sertões, Vassouras. 2) Tais substantivos trazem problemas de concordância verbal, e três obse...
Nomes próprios plurais
/coluna/gramatigalhas
quarta-feira, 2/12/2009

Vírgula e Etc.

Vírgula e Etc. 1) Trata-se de abreviatura da locução latina "et coetera", que, etimologicamente, significa e as outras coisas, ou e as coisas restantes, tendo, na atualidade, o sentido de assim por diante, afora o mais, e ainda outros,...

Vírgula e Etc. 1) Trata-se de abreviatura da locução latina "et coetera", que, etimologicamente, significa e as outras coisas, ou e as coisas restantes, tendo, na atualidade, o sentido de assim por diante, afora o mais, e ainda outros,...
Vírgula e Etc.
/coluna/gramatigalhas
quarta-feira, 20/5/2009

Ter de

Ter de 1) De acordo com lição de Napoleão Mendes de Almeida, a expressão ter de denota obrigatoriedade, portando em si o significado de estar na obrigação de. Ex.: "O juiz não tinha de deferir o requerimento intempestivo ...

Ter de 1) De acordo com lição de Napoleão Mendes de Almeida, a expressão ter de denota obrigatoriedade, portando em si o significado de estar na obrigação de. Ex.: "O juiz não tinha de deferir o requerimento intempestivo ...
Ter de
/coluna/gramatigalhas
quarta-feira, 4/2/2009

Designar servidores para compor (ou comporem?)...

Designar servidores para compor (ou comporem?)... 1) Uma leitora diz ter dúvidas quanto à flexão do verbo em frases como: I) – "Designar servidores para compor comissão..."; II) – "Designar servidores para comporem co...

Designar servidores para compor (ou comporem?)... 1) Uma leitora diz ter dúvidas quanto à flexão do verbo em frases como: I) – "Designar servidores para compor comissão..."; II) – "Designar servidores para comporem co...
Designar servidores para compor (ou comporem?)...
/coluna/gramatigalhas
quarta-feira, 15/10/2008

"Não se deve dizer tais coisas"

1) A questão é saber qual a construção correta: "Não se deve dizer tais coisas", ou "Não se devem dizer tais coisas"? 2) De acordo com Vitório Bergo, "em frases deste modelo, o verbo dever constitui, em regra, auxiliar do inf...

1) A questão é saber qual a construção correta: "Não se deve dizer tais coisas", ou "Não se devem dizer tais coisas"? 2) De acordo com Vitório Bergo, "em frases deste modelo, o verbo dever constitui, em regra, auxiliar do inf...
"Não se deve dizer tais coisas"
/coluna/gramatigalhas
quarta-feira, 24/10/2007

Toda guerra ou toda a guerra...?

1) Vejam-se os seguintes exemplos e o significado respectivo da expressão em realce: a) "Todo o dia, o réu está no balcão do cartório, à espera da sentença" (o dia inteiro); b) "Todo dia, o réu está no balcão do cartório, à ...

1) Vejam-se os seguintes exemplos e o significado respectivo da expressão em realce: a) "Todo o dia, o réu está no balcão do cartório, à espera da sentença" (o dia inteiro); b) "Todo dia, o réu está no balcão do cartório, à ...
Toda guerra ou toda a guerra...?
/coluna/gramatigalhas
quarta-feira, 15/8/2007

Intimem-se-as

1) Se se diz "Intimem-se as partes", o que se tem é uma frase reversível, que também pode ser dita assim: "As partes sejam intimadas". 2) E, como na frase do modelo ("Aluga-se uma casa"), podem-se extrair as seguintes c...

1) Se se diz "Intimem-se as partes", o que se tem é uma frase reversível, que também pode ser dita assim: "As partes sejam intimadas". 2) E, como na frase do modelo ("Aluga-se uma casa"), podem-se extrair as seguintes c...
Intimem-se-as
/coluna/gramatigalhas
quarta-feira, 1/8/2007

Obrigado

1) Expressando gratidão, é palavra que deve ser observada do ponto de vista da concordância nominal.2) Para se entender a concordância, importante é atentar no sentido da expressão: a pessoa a quem se presta um favor, ao agradecer...

1) Expressando gratidão, é palavra que deve ser observada do ponto de vista da concordância nominal.2) Para se entender a concordância, importante é atentar no sentido da expressão: a pessoa a quem se presta um favor, ao agradecer...
Obrigado
/coluna/gramatigalhas
quarta-feira, 21/3/2007

Ter de

1) De acordo com lição de Napoleão Mendes de Almeida, a expressão ter de denota obrigatoriamente, portanto em si o significado de estar na obrigação de. Ex.: "O juiz não tinha de deferir o requerimento intempestivo formulado pelo ré...

1) De acordo com lição de Napoleão Mendes de Almeida, a expressão ter de denota obrigatoriamente, portanto em si o significado de estar na obrigação de. Ex.: "O juiz não tinha de deferir o requerimento intempestivo formulado pelo ré...
Ter de
Não há mais resultados para serem exibidos.